WhatsAppSugestões

(86) 99915-1055

MIN
MAX
Teresina - PI
Terça, 23 de janeiro de 2018
Últimas notícias
RC Markenting - TOPO
LRF

Postada em 29/11/2017 ás 08h37 - atualizada em 01/12/2017 ás 10h37

Publicada por: Redação

Fonte: Senado Federal

Aprovado projeto de lei que garante repasses à segurança pública dos municípios
O projeto foi aprovado por 60 votos favoráveis, a unanimidade dos senadores presentes.
Aprovado projeto de lei que garante repasses à segurança pública dos municípios

Nessa terça-feira (28), o Plenário aprovou projeto de lei do Senado (PLS 247/2016) que facilita a transferência de recursos federais para estados e municípios na área de segurança pública. O texto autoriza a liberação do dinheiro, mesmo que governos e prefeituras estejam inadimplentes com a União.

A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) determina a suspensão das transferências voluntárias da União no caso de inadimplência. A LRF estabelece três exceções: estados e municípios podem contar com os recursos se eles forem destinados às áreas de educação, saúde e assistência social. O PLS 247/2016, do senador Omar Aziz (PSD-AM), estende o benefício para a segurança pública.

O projeto foi aprovado por 60 votos favoráveis, a unanimidade dos senadores presentes. Com apoio tanto da base do governo quanto da oposição, Omar Aziz afirmou que, com a regra atual, municípios inadimplentes são penalizados com a suspensão dos repasses.

— Muitos municípios inadimplentes não têm direito de receber recursos, no meio de uma grave crise que o Brasil atravessa na segurança pública. Esse projeto vai facilitar o acesso aos recursos para que possam fazer um trabalho na prevenção — afirmou Omar Aziz.

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) explicou que muitas vezes prefeituras e governos estaduais deixam de receber os recursos para segurança pública por pendências meramente burocráticas.

— Não podemos admitir que recursos voluntários deixem de ser transferidos para estados e municípios por conta de burocracia. A LRF vem em boa hora, mas às vezes estamos falando de simples relatórios bimestrais que não foram cumpridos. Quem sai prejudicada é a sociedade brasileira — disse a parlamentar.

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, afirmou que a matéria faz parte da “agenda positiva da segurança pública”. O líder do governo, senador Romero Jucá (PMDB-RR), disse que o projeto “coloca a segurança pública como prioridade incontingenciável”. O projeto segue para a Câmara.

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista R10

»

Nazaré do Piauí Por Douglas Franco

Alunos da rede municipal de ensino são aprovados em cursos técnicos de Nível Médio.

Currais - PI Por Manoel Potonho

Deputado Fabio Novo visita Currais e Destina recursos para construção da casa de cultura

Floriano Por Ilizianny de Carvalho

Secretaria de Saúde realiza ato nesta quinta-feira (25) em prol do “Janeiro Branco”

Inhuma-PI Por Juerismar Luis

Capacitação e Posse do Conselho-CMDCA

Colônia do Gurguéia-PI Por Geney Ribeiro

Vigilância sanitária faz limpeza em caixa d’água da Comunidade Lagoa Cercada

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium