Quarta, 21 de fevereiro de 2018
(86) 99915-1055
[email protected]
(86) 99983-4382
Vereadores

Vereadores

Vereadores A coluna de notícias dos Vereadores

[email protected]

(86) 99983-4382

Legislativo

Postada em 05/10/2017 ás 11h18 - atualizada em 05/10/2017 ás 15h48

Publicada por: David Pacheco

Fonte: asscom

Após audiência pública, Dudu cobra novamente secretario de educação por segurança nas escolas
Vereador cobra medidas eficazes no sistema de ensino.
Após audiência pública, Dudu cobra novamente secretario de educação por segurança nas escolas

Vereador Dudu

Após ter proposto a  realização de audiência pública na Câmara Municipal, que tratou da segurança e dos casos de arrombamentos nas escolas municipais de Teresina, o vereador Dudu(PT) voltou  a mencionar o assunto  na sessão de terça-feira (03) e criticando duramente a postura do secretário municipal de educação (SEMEC), Kleber Montezuma, que não se fez presente  na audiência e não enviou representante. Dudu solicitou esclarecimentos sobre contratos, número de terceirizados e prestação de serviço do monitoramento eletrônico.

 

 

 Secretario de educação Montezuma

“Temos relatos de escolas em Teresina que vivem tendo assaltos. A informação que sabemos é que a Semec tirou os vigias noturnos e contratou uma empresa de segurança para fazer o monitoramento das escolas por via eletrônica, mas isso não resolveu o problema.  Aqui nessa Câmara existem vereadores que insistem em não notar a ineficiência do prefeito Firmino e sua gestão em relação a segurança, porque não investe na Guarda Municipal”, explicou Dudu.

Dudu alegou que é preciso haver mais comunicação entre a Secretaria Municipal de Educação com a Polícia Militar e com o Pelotão Escolar.

“Na audiência pública, a Polícia Militar afirmou que nunca recebeu ligações da Semec para fazer registros de arrombamento nas escolas e o secretário Kleber Montezuma se deu ao luxo de não dar explicações. Temos uma coisa grave a ser apurada na Semec. Existe um contrato onde o município paga por mês R$ 12 mil, sendo que na cidade de Parnaíba esse mesmo serviço é feito por R$ 1.700,00. Vamos mandar para o Ministério Público essa licitação, porque não podemos deixar passar barato. Por que retirou os vigias?”, ressaltou o vereador.

“Temos um contrato superfaturado que o povo de Teresina merece explicações. Como o secretário se recusou a vir para essa Casa na audiência, ele no mínimo precisa prestar explicações.  Mais uma vez a Câmara barra essa convocação, protegendo um secretário que desdenha desse poder e de dialogar com a população. A Guarda Municipal também precisa de amparo e foi decidido que esta Casa criaria uma comissão para trabalhar no estatuto da Guarda”, concluiu Dudu.

Porfim o  vereador Dudu apresentou um requerimento verbal convocando o secretário de educação, Kleber Montezuma, para prestar informações do quantitativo das empresas prestadoras de serviço para a SEMEC, o número de terceirizados que atuam junto à secretaria, o quantitativo de vigias noturnos atuando nas escolas municipais, qual empresa presta o serviço de monitoramento e o valor pago por esse serviço. O requerimento foi rejeitado por 8 votos contra, 6 favoráveis e 8 abstenções.

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Revista R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium