Quarta, 25 de abril de 2018
(86) 99915-1055
Lei

Postada em 16/04/2018 ás 14h39

Publicada por: Redação

Prefeitura encaminha LDO 2019 para votação na Câmara
Projeto traça metas, diretrizes e prioridades da administração municipal.
Prefeitura encaminha LDO 2019 para votação na Câmara

Foto: Divulgação/CAUPI

A Prefeitura de Teresina encaminhou para apreciação da Câmara Municipal o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício de 2019. De acordo com o projeto de lei, a administração municipal prevê para o próximo ano o montante de R$ 1.500.073 bilhões em recursos próprios.

O projeto de lei prevê ainda R$ 1,134 bilhão para a Saúde (com repasses do SUS) e R$ 557,2 milhões para a Educação (com repasses do Fundeb e FNDE). O texto também contempla o investimento de recursos de operação de crédito para a segunda etapa do Programa Lagoas do Norte e investimentos como a segunda etapa da via Marginal Sul, reforma do Mercado Central, estruturação do Parque da Floresta Fóssil, elaboração do Plano Diretor de Arborização de Teresina, implantação de Ciclovias, dentre outros.

A LDO traça as metas, diretrizes e prioridades da administração municipal e serve de base para a Lei Orçamentária Anual. O texto apresenta as prioridades gerais que norteiam a administração pública representada por cinco eixos: Inclusão Social, Sustentabilidade Ambiental, Produtividade Econômica, Qualidade de Vida e Governança.

“O projeto de lei foi elaborado levando em conta toda a atual conjuntura econômica do país, mas seguindo e dando continuidade à programação da administração municipal e prioridades para a construção de uma Teresina como uma cidade inclusiva e justa, e sustentável dos pontos de vista econômico e ambiental”, destacou o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, José João Braga.

Destacam-se para 2019 investimentos em diversas zonas da cidade, com recursos advindos principalmente de fontes externas. Na programação está a requalificação e revitalização do Novo Centro de Teresina e investimentos em pavimentação e requalificação de vias, além da construção da Ponte da UFPI e da 2ª Ponte da Avenida Poti, através do Programa PAC - Pacto pela Mobilidade.

No que concerne à mobilidade urbana, a LDO prevê investimentos na implantação do Sistema BRT (Bus Rapid Transit), de faixas exclusivas e a implantação do Centro de Controle Operacional com recursos federais do Programa Pacto pela Mobilidade e PAC Mobilidade Grandes Cidades.

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista R10

»

Avelino Lopes-PI Por Milton Magalhães

MPPI promove audiência para debater condições do sistema de ensino em Avelino Lopes

São Francisco - MA Por Diogo Teixeira

Seca do Rio Parnaíba encalha balsa Parnarama/MA e gera grandes filas de veículos na travessia

Agricolândia-PI Por Gilberto Alencar

Cras entrega kits de enxoval para gestantes em Agricolândia

São Gonçalo do Gurguéia Por Lucas Sena

Vereador João Filho consegue para o munícipio de São Gonçalo 32 mil espécies de peixes

Gilbués-PI Por Henrique Guerra

Frente do Turismo debate a legalização dos jogos de azar com representantes de outros países

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium