Terça, 14 de agosto de 2018
(86) 99915-1055
CONPIALPER superbanner posição 3
Geral - CNM

Postada em 30/04/2018 ás 10h33 - atualizada em 30/04/2018 ás 11h49

Publicada por: Redação

Ajuste anual do Fundeb já está disponível; confira os valores
Os valores foram publicados no Diário Oficial da União (DOU) de sexta-feira, 27.
Ajuste anual do Fundeb já está disponível; confira os valores

Foto: Reprodução

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa aos gestores que já está disponível o demonstrativo de ajuste anual do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) do exercício de 2017. Os valores foram publicados no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira, 27 de abril, por meio da Portaria 385/2018.

O ajuste consiste na diferença entre os valores da receita estimada do Fundo e da receita efetivamente arrecadada no ano anterior. Em 2017, por exemplo, a receita realizada foi de R$ 146,3 bilhões, valor 3,5% maior do que havia sido estimado.

Em consequência, o valor mínimo nacional por aluno/ano dos anos iniciais do ensino fundamental urbano, anteriormente estimado em R$ 2.926,56, chegou a R$ 3.045,99, equivalente a 4,08% a mais. Lembre-se que a complementação da União ao Fundeb inclui os 10% do total dessa complementação que deveria ser destinado à integralização do piso salarial dos professores da educação básica que, entretanto, têm sido redistribuídos igualmente pela matrícula.

O ajuste do valor da complementação da União ao Fundeb relativa a 2017 será realizado mediante a efetivação de lançamentos nas contas correntes específicas dos Fundos dos Estados e respectivos Municípios beneficiados por essa complementação.

Balanço

Dos nove estados beneficiados com a complementação da União ao Fundeb, apenas seis terão ajuste positivo. São eles: Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Piauí. Os outros três Estados - Amazonas, Maranhão e Pará - terão ajustes negativos em suas contas.

A CNM alerta que os valores do ajuste serão creditados ou debitados até o fim do mês de abril. Desse modo, os gestores municipais devem ter conhecimento dos valores de créditos ou débitos em suas contas e, sobretudo, precisam adotar medidas para reorganizar o planejamento municipal de Educação.

Ações da CNM

A CNM entende ser injusto que o débito aconteça de uma única vez até o dia 30 de abril, conforme informou o FNDE.

A Confederação entrará em contato com os órgãos responsáveis pelo ajuste da complementação da União ao Fundeb para buscar alternativas a fim de que o débito não ocorra de uma vez e não prejudique as finanças municipais dos Estados do Amazonas, Maranhão e Pará. Confira por Estado os valores dos ajustes para os Municípios:

Alagoas

Amazonas

Bahia

Ceará

Maranhão

Pará

Paraíba

Pernambuco

Piauí

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista ADV

»

Altos-PI Por Jair Fran

Programa 'Saúde Mulher' em Altos supera marca de dois mil atendimentos

Nazária-PI Por R10 municípios

Prefeitura de Nazária realizou II Feira da Agricultura

Capitão de Campos Por Celso Oliveira

Capitão de Campos comemora dia do Evangélico sábado dia 18 de agosto

Campo Largo-PI Por Roberto Freitas

Professores da Escolinha CLF fazem vista a Escola Municipal de Campo Largo

Cabeceiras do Piauí Por Francisco Rocha

Dia D de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo será neste sábado (18) em Cabeceiras

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium