Segunda, 18 de junho de 2018
(86) 99915-1055
[email protected]
86 99906-7459
Professor Sucupira

Professor Sucupira

Professor Sucupira Coluna do Professor Sucupira

[email protected]

86 99906-7459

Política - Pátria de chuteira

Postada em 10/06/2018 ás 10h12 - atualizada em 15/06/2018 ás 08h58

Publicada por: Professor Sucupira

“MASTURBAÇÃO SOCIOLÓGICA DA COPA FIFA”
“MASTURBAÇÃO SOCIOLÓGICA”

Uma partida de futebol pode refletir o cotidiano em sociedade com seus erros e acertos. Acontecem jogadas leais e desleais, gols legais ou ilegais e outros eventos extracampo. O individualismo e o coletivo se misturam. O gol de placa é resultado de uma trama coletiva. Há também o gol escandalosamente ilegal, os interesses econômicos e políticos – principalmente em ano de eleições nos clubes ...  Podemos sim fazer essa comparação e o ano de 2018, ano de copa do mundo de futebol e ano eleitoral,  é perfeito!

Este evento global do futebol de 2018, como estar a acontecer na Rússia não seria diferente. Um evento em que muitas jogadas serão realizadas, algumas ficarão na memória desta geração que terão a oportunidade de ver e viver – mesmo longe geograficamente, mas perto virtualmente – em sua casa, pela televisão, as reportagens e os jogos. Todos vão querer  conquistar o Monte Elbrus, o pico culminante da Rússia e levantar a taça do hexacampeonato.

Neste sentido, fazer uma reflexão da participação do Brasil em um momento de grave crise interna – tanto político quanto econômica –  e ainda em ano eleitoral é importante. O Brasil mais uma vez participa e para o brasileiro é sempre o momento único.  A população inteira irá comemorar por trinta dias e esquecerá – com ajuda da mídia elitizada – os problemas e as mudanças que levaram às perdas das garantias sociais ao longo dos dois últimos anos que se passaram.

Pergunto! E o golpe político no Brasil, a operação da Lava Jato, as prisões, o encarceramento do preso político Lula, as consequências das perdas sociais deste temeroso governo, o desemprego galopante de quase 14 milhões de brasileiros e a estuprante política de preço da PETROBRAS para atender o mercado, serão esquecidas no orgasmo coletivo a cada partida da seleção brasileira na copa do mundo?

Quando o Brasil se classificou, foi uma festa – principalmente pelos investigados de Brasília – A copa do mundo de futebol  no imaginário do brasileiro,  é “sagrado” e depois do 7 x 1 é quase uma obrigação vencer a copa do mundo na final  contra a Alemanha. É isso que vai estar na mídia ao longo deste tempo ... Incrível! A Elite sanguessuga paleolítica da política e midiática brasileira, vão adorar ver os marionetes-torcedores-brasileiros vivenciar a copa do mundo por 24 horas do dia e, ao mesmo tempo, emprenhar pelos ouvidos e visão os brasileiros de senso comum

Torcendo pela seleção brasileira eu estou. Mas, quero deixar claro que não comungo com essa “MASTURBAÇÃO SOCIOLÓGICA” da copa do mundo. O que estou a ler e a ouvir sobre este evento nesses dias que antecede o seu início, me leva a crer que a maioria dos marionetes-torcedores-brasileiros, serão mais uma vez ludibriado pela velha prática do “Pão com circo” – corrigindo, “Circo sem Pão” – ao mesmo tempo que utilizarão este período para atingir o objetivo do esquecimento coletivo.

Senso assim, este momento é muito conveniênte para a elite parasitária que nos suga em todos os momentos, fazer da copa do mundo o Brasil ser “Pátria de chuteiras. Façamos uma reflexão então ... como resultado, concluir que este evento não venha produzir o esquecimento das causas e das consequencias dos problemas que ocorrem no Brasil. Vamos  lembrar que os problemas sociais são históricos, graves e penosos para a maioria da populão brasileira.  A copa do mundo, é momento  muito aguardo pelo brasileiro pois é um momento de alegria, mas não  deve ser motivo para um esquecimento coletivo.

Pronto! Falei ...

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Revista R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium