Segunda, 18 de junho de 2018
(86) 99915-1055
Política - Eleição

Postada em 11/06/2018 ás 15h25 - atualizada em 12/06/2018 ás 07h56

Publicada por: Bruna Dias

Prefeitos fazem ato e pedem Margarete como vice de Wellington Dias
Os gestores assinaram um carta para ser entregue ao governador.
Prefeitos fazem ato e pedem Margarete como vice de Wellington Dias

Foto: David Brito

Mais de cem prefeitos se reuniram nesta segunda-feira (11), durante um almoço no restaurante Casarão, em Teresina, para assinar uma carta pedindo a permanência de Margarete Coelho, como vice de Wellington Dias. 

O deputado Júlio César, presidente estadual do Progressistas afirmou que mesmo o governador não escolhendo Margarete como sua vice, o partido o apoiará na eleição deste ano.

"O que eu digo toda vez é que nós vamos lutar até o final pela candidatura da vice-governadora Margarete Coelho, tenho isso como dever de presdiente do partido, e todos nós partidários vamos lutar por isso. Agora se o governador achar melhor que não deve ter a participação da vice Margarete e escolher alguém que não seja do nosso partido, nós vamos apoiá-lo", declarou.

“Por ela [Maragarete] já ser a atual vice merece a reeleição no lugar de vice, por ser uma candidata mulher, neste momento que o país vive nesses momentos de eleição, a figura da mulher é importantíssima. E ela que é decente, ética, companheira e valorosa como vice-governadora, nós temos que lutar para que ela permaneça sendo a vice na chapa do governador Wellington Dias”, ressaltou o prefeito Dó Bacelar, líder do movimento.

A vice-governadora compareceu ao ato e comentou o movimento dos prefeitos.  “Meu plano é estar à disposição do partido, da nossa base política, formada por vários partidos. Estar à disposição das mulheres, dos jovens, dos negros, da comunidade LGBT, dos movimentos sociais e da sociedade, colocar um trabalho e uma força a disposição desse movimento”, afirmou.

Margarete também aproveitou a oportunidade para falar sobre o desejo de ver a primeira-dama de Teresina, Lucy Silveira, sendo candidata ao governo.

“A Lucy é uma companheira de partido, é uma mulher que tem uma militância política muito forte, e que também representa as causas feministas. Então nós mulheres temos reclamado muito de espaço na política. Vejo esse posicionamento da Luci, exatamente sobre isso, como uma defesa da falta feminista”, disse.

 

 

 

 

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista R10

»

Floriano Por Ilizianny de Carvalho

Ambulantes de Floriano liberam calçadas públicas e ganham novo espaço para trabalhar

Esperantina-PI Por Francisco Menezes

Briga em bar durante jogo da Seleção deixa um morto na cidade de Esperantina

Amarante-PI Por Diogo Costa

Convite da Prefeitura Municipal de Amarante para o II Festival Junino

Simplício Mendes Por Francisvaldo da Silva Rocha

Sindicato dos Agentes comunitários de Saúde e Endemias mostram força da categoria em reunião

Água Branca-PI Por Lenno Oliveira

Assistência Social de Água Branca realiza ação itinerante sobre o Cartão Reforma

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
TV R10 Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium