Terça, 21 de Setembro de 2021
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

33°

24° 38°

Teresina - PI

Últimas notícias
Geral Declaração
20/06/2018 08h30 Atualizada há 3 anos
Por: Bruna Sampaio

Engenheiro do PI que assediou russa se pronuncia sobre o caso

Luciano Gil Mendes de Coelho, empresário e engenheiro do Piauí, é um dos torcedores que aparece em vídeo constrangendo uma mulher durante a Copa do Mundo na Rússia.

Ele é natural de Picos e ex-membro do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (Crea-PI). Luciano é acusado de improbidade administrativa e já foi preso em operação da Polícia Federal por desvio de dinheiro.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O engenheiro piauiense foi o único a se pronunciar até o momento. Ao G1, ele disse que "todos nós somos seres humanos e erramos". 

Continua depois da publicidade

"Já pedi desculpas a todas as mulheres. Todos nós somos seres humanos e erramos e além disso não conhecíamos ninguém, bebemos um pouco mais da conta e foi isso. Alguém que não conheço filmou. Mas aqui todos estavam brincando e todos entendem a agitação, mas mulheres realmente têm razão em questionar", declarou Luciano. 

O caso que gerou maior repercussão no país envolve um grupo de brasileiros que, fingindo ensinar cantos de torcida, fez com que uma jovem repetisse termos chulos em português.  

Outros dois envolvidos no vídeo foram identificados como: Diego Jatobá, advogado e ex-secretário de Turismo de Ipojuca-RE e Eduardo Nunes, tenente da Polícia Militar em Lages-SC.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp