Quinta, 29 de Julho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

33°

23° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Esportes Mundial
26/06/2018 09h23 Atualizada há 3 anos
Por: Redação

Argentina corre risco de ser eliminada na 1ª fase da Copa

A crise no futebol argentino pode redundar na segunda eliminação em primeira fase de Copa do Mundo neste século. De 2002 até agora, a atual vice-campeã do mundo não havia deixado a competição antes das quartas de final.

O que aconteceu na Coréia e no Japão há 16 anos pode se repetir diante da Nigéria, às 15h (Horário de Brasília), hoje (25), em São Petersburgo. De quebra, Lionel Messi, que representa o favoritismo da alviceleste de quatro em quatro anos, não tem permanência garantida na seleção daqui para frente, e já se fala em aposentadoria do camisa 10 e da ausência de um Mundial no currículo do jogador cinco vezes o melhor do mundo.

Foto: getty images
Foto: getty images

A Nigéria vive bom momento, mas tem retrospecto de presa fácil para os hermanos, com quem encontraram nos dois últimos mundiais. São quatro vitórias em Copas do Mundo (1994, 2002, 2010, 2014). No Brasil, Messi balançou a rede duas vezes no jogo também pela fase de grupos, mas foi a última vez na competição. Já são 625 minutos sem marcar gols em Copas do Mundo - seis jogos. 

Continua depois da publicidade

A Argentina precisa torcer para a Croácia vencer a Islândia para não precisar de uma goleada. Do lado da Nigéria, que encanta com Musa e terá Obi Mikel mesmo com fratura na mão, o temor é pela arbitragem do turco Cunet Cakyr e a predileção por Messi e outros medalhões.

O zagueiro Brian Idowu, nascido na Rússia, não se importa em aposentar Messi. "Esperamos que seja o último jogo de Messi. Por mais que o admiremos como jogador, nossa única opção é ganhar" avisou.

Fonte: Extra
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp