Quarta, 22 de Setembro de 2021
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

32°

23° 38°

Teresina - PI

Últimas notícias
Educação INEP
26/10/2017 11h39 Atualizada há 4 anos
Por: Amanda Aragão

Pesquisa revela deficiência de alunos em leitura e matemática

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) apontou nessa terça-feira (25) que a alfabetização estagnou entre 2014 e 2016. Para tentar reverter esse quadro, o Ministério da Educação apresentou medidas da Política Nacional de Alfabetização.

Mais da metade dos estudantes do 3º ano do ensino fundamental apresentaram nível insuficiente de leitura e em matemática para a idade. Segundo a Avaliação Nacional de Alfabetização, 54,73% dos alunos tinham nível de leitura insuficiente em 2016 e 45,27% tinham nível suficiente. Em 2014, o percentual de estudantes avaliados com nível insuficiente era um pouco maior: 56,17%.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

As regiões Norte e Nordeste foram as que obtiveram os piores resultados de leitura, com 70,21% e 69,15% dos estudantes apresentando nível de insuficiência, respectivamente. Esses percentuais caem para 51,22% no Centro-Oeste; 44,92% no Sul; e 43,69% no Sudeste.

Continua depois da publicidade

 A pesquisa foi feita entre os dias 14 e 25 de novembro do ano passado em escolas públicas com pelo menos 10 estudantes matriculados no 3° ano do ensino fundamental em 2016. Foram mais de 2 milhões de estudantes de aproximadamente 105 mil turmas em 48 mil escolas. Quase 90% dos estudantes avaliados tinham 8 anos ou mais.

Fonte: Jornal Bom Dia
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp