Sexta, 19 de outubro de 2018
(86) 99915-1055
[email protected]
86 2107-5800 / 5847
OAB-PI

OAB-PI

OAB-PI Notícias sobre o que acontece na área da advocacia piauiense.

[email protected]

86 2107-5800 / 5847

Teresina - Advogado

Postada em 28/08/2018 ás 12h05 - atualizada em 28/08/2018 ás 12h12

Publicada por: Gustavo Miranda

Chico Couto propõe melhorias para a advocacia no Piauí
O advogado é pré-candidato à presidência da OAB-PI.
Chico Couto propõe melhorias para a advocacia no Piauí

Foto: David Pacheco/R10

O pré-candidato à presidência da OAB-PI, Dr. Chico Couto, concedeu entrevista ao Portal R10, onde fala sobre a relevância do advogado para o sistema de Justiça. Chico Couto é presidente da Comissão Nacional de Direito Previdenciário, conselheiro federal, membro do Fórum Interinstitucional do TRF1 e do Conselho da Justiça Federal, representando o presidente do Conselho Federal.

O advogado evidenciou a relevância dos jovens e, em especial, da mulher na advocacia. “O que se vê é que parte dos candidatos não conhece a advocacia do nosso estado e não sabem que o jovem advogado ou a mulher advogada, enfrenta no seu dia a dia. Não sabem qual o valor das agregações, quanto recebem por audiências ou para fazer diligências para os grandes escritórios”.

Em relação a restruturação do quadro de pessoal do Tribunal de Justiça do Piauí, Chico Couto destacou: “ É um avanço para advocacia, um anseio já antigo. Mas pecamos nas agregações porque boas comarcas vão ficar desestruturadas, pois vão absorver comarcas ruins, atrapalhando aquelas que estavam tendo um bom desempenho. O acesso à justiça ficou prejudicado a partir do momento que fechamos comarcas por números de processos”.

Sobre a defesa das prerrogativas ele frisou: “conseguimos implementar uma medida antiga há mais de 10 anos, que foi o atendimento prioritário ao advogado, onde ele tem atendimento prioritário a todas as agências do INSS, sem agendamento prévio em todas as procuradorias da Fazenda Nacional, que conseguimos através do acesso de uma ação judicial impetrada pelo Conselho Federal, no que diz respeito a procuradoria das fazendas nacionais. Sou relator desse processo no Conselho Federal, que deu origem também, ao atendimento prioritário, e nisso, conseguimos respeitar uma demanda essencial da advocacia e da sociedade".

O advogado também enumerou propostas que buscam melhorias para os advogados no estado. “Nós vamos estender na verdade, tudo que fizemos a nível nacional. Então, o atendimento prioritário que conseguimos a esse nível, vale para o piauiense. O INSS digital que foi uma ferramenta elaborada junto com o Conselho Federal, vale para o piauiense e, o estado do Piauí, foi o primeiro que absorveu o sistema, logo após o DF. Conseguimos atendimento prioritário nas agências da PFN, que é uma demanda dos tributaristas. Conseguimos implementar medidas que facilitam a vida de todos os advogados, não só do previdenciário”.

 

 

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Revista ADV
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium