Segunda, 15 de Julho de 2024
Portal R10
Segunda, 15 de Julho de 2024
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99911-2276

Marcelo Barradas

Expansão

(86) 99446-2372

Últimas notícias
Brasil Brasil
12/06/2024 19h05
Por: Cristina

Fundador do MST critica Lula por falta de ações na Reforma Agrária: 'É uma vergonha'

O fundador do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra), João Pedro Stedile, criticou o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em entrevista ao portal O Joio e o Trigo, afirmando que "não está fazendo nada na reforma agrária". Em entrevista, Stedile destacou a falta de progresso na desapropriação de terras, no crédito para assentados e no Pronera (Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária). Ele chamou a situação de "vergonhosa", considerando o Pronera um programa essencial para viabilizar o acesso dos jovens camponeses à universidade.

Apesar de o MST ter apoiado Lula nas eleições de 2022, Stedile deu nota 3 para a política de democratização de terra do governo após 14 meses do início do terceiro mandato do presidente.

Fundador do MST critica Lula por falta de ações na Reforma Agrária: 'É uma vergonha'

Stedile, no entanto, declarou que continuará defendendo Lula contra "seus inimigos", que ele identifica como multinacionais, capital financeiro e latifúndios. Ele enfatizou que o governo está aquém das expectativas da classe trabalhadora.

Ele também criticou a falta de entendimento do governo sobre a diferença entre a agricultura familiar e o agronegócio. "Já perdi a paciência de ouvir ministro dizer que não há incompatibilidade entre a agricultura familiar e o agronegócio. O agronegócio usando agrotóxico é incompatível com o vizinho de dez hectares que não usa, porque ele vai contaminar, vai matar a biodiversidade", afirmou Stedile.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp