Sábado, 22 de Janeiro de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

24°

24° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Professor Sucupira
Professor Sucupira
Coluna do Professor Sucupira
Política Bravos brasileiros
01/09/2018 21h05 Atualizada há 3 anos
Por: Professor Sucupira

EU NÃO VOU VOTAR NO MERCADO EM 2018

Dizem que o mercado é um processo voluntário que possibilita em sua dinâmica a melhoria da condição do indivíduo e, ao mesmo tempo, afirma-se que o indivíduo está sempre na busca de suprir suas necessidades individuais, sendo, portanto, essa a essência dos defensores do chamado livre mercado.  Nossa! Fico aqui pensando ... e,  pergunto a você que está lendo este texto. O mercado atende a quem mesmo?  Atende você que compõem a maioria da população brasileira ou a uma minoria de indivíduos que compõem os poucos grupos de privilegiados histórico como bancos e conglomerados empresariais nacionais ou internacionais?  Estes poucos que usufruíram e usufrui dos benefícios que próprio mercado criou e cria,  com a anuência do governo e mecanismos adotados para atender suas necessidades pensaram e pensam no coletivo? 

Não quero responder essas perguntas aqui no texto. Você que está lendo tem a sua resposta. Mas, quero aqui fazer uma reflexão. Por que votar em partidos e candidatos que defendem o livre mercado em um pais injusto e desigual como o Brasil? Por que votar em partidos e candidatos que votaram e aprovaram o congelamento por 20 anos dos recursos destinados à educação e saúde neste país? Por que votar em candidatos e partidos que criticam e votam contrário a medidas sociais e econômicas que venha atender os menos favorecidos e, ao mesmo tempo, defendem e votam medidas que favorecem os grandes grupos? Por que votar em candidatos e partidos que defendem o livre mercado como se não houvesse a necessidade de políticas públicas voltada para o pobre?

EU NÃO VOU VOTAR NO MERCADO EM 2018

Eu não votarei em quem defende o mercado. Sabe por quê? Milhões de pobres pretos, pobres índios, pobres mestiços e pobres brancos deste país, precisam das ações sociais tão criticadas pelo mercado. Eu não votarei em quem defende o mercado. Sabe por quê? Dezenas bancos e conglomerados empresarias nacionais ou internacionais serão, a Priore, atendidos nos seus individuais interesses em detrimentos dos milhões de desassistidos. Os lobos que defendem o mercado financeiro, estão agora como cordeirinhos pedindo seu voto. E ai! Você vai votar e eleger candidatos e partidos quer atenderão o mercado? Eu não vou.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp