Sábado, 16 de fevereiro de 2019
(86) 99915-1055
Full paper
Tecnologia - Alerta

Postada em 10/10/2018 ás 09h03

Publicada por: Gustavo Miranda

Links no WhatsApp para responder pesquisa sobre 2º turno são falsos
Os usuários são convidados a clicar num link para um site falso e a preencher um formulário.
Links no WhatsApp para responder pesquisa sobre 2º turno são falsos

Foto: Divulgação/Psafe

Mensagens no WhatsApp que convidam a responder suposta pesquisa eleitoral do Datafolha sobre o segundo turno entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) leva a site falso. O instituto não trabalha com esse método para fazer levantamentos.

"O Datafolha só faz pesquisas eleitorais presenciais. Nunca por telefone ou internet", diz Mauro Paulino, diretor do instituto.

Nas mensagens que circulam pelo aplicativo, os usuários são convidados a clicar num link para um site falso e a preencher um formulário com sua cidade, estado e candidato em quem irá votar.

Na sequência, a página exibe uma mensagem orientando a pessoa a compartilhar a pesquisa pelo WhatsApp para supostamente confirmar não ser um robô e ter acesso aos resultados da pesquisa.

Conforme mostrado em reportagens da Folha de S.Paulo, um método de disseminação de conteúdo semelhante já foi identificado em pelo menos duas oportunidades neste ano como forma de espalhar vírus pelo aplicativo de mensagens.

Pouco antes da Copa do Mundo, um site malicioso oferecia camisetas grátis da seleção brasileira. Algumas semanas depois, um golpe parecido oferecia internet grátis no celular. Ambos exigiam o compartilhamento do conteúdo pelo WhatsApp usando um sistema parecido com o que é usado nesses sites que tentam se passar pelos institutos de pesquisa.

Depois, uma mensagem dizia que o celular estava com vírus e induzia a pessoa a fazer a baixar um aplicativo para corrigir a situação. Esse download que era, na verdade, um vírus. A pedido da reportagem, a empresa de segurança digital Kaspersky Lab, que identificou originalmente o golpe durante a Copa, analisou os sites falsos dos institutos de pesquisa. De acordo com o analista Fabio Assolini, apesar da semelhança com os outros casos na disseminação do conteúdo, nas pesquisas falsas não há a instalação de aplicativos maliciosos.

Fonte: Folha de S.Paulo

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista ADV

»

Esperantina-PI Por Francisco Menezes

Homem é esfaqueado no bairro Santa Luzia em Esperantina

Bela Vista-PI Por Edimá Luis

Câmara Municipal de Bela Vista do Piauí inicia ano legislativo de 2019

São João do Arraial-PI Por Leônidas Silva

Reinaugurada nova loja do Armazém Paraíba em São João do Arraial

União Por Ossian Melo

Ministério Público e organizadores realizam audiência para o Carnaval

Miguel Leão Por Edverton de Oliveira Monte

Secretaria Municipal de Educação de Miguel Leão realizou Jornada Pedagógica

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium