Quarta, 21 de novembro de 2018
(86) 99915-1055
Desk Propaganda
Política - Eleições

Postada em 29/10/2018 ás 08h32 - atualizada em 29/10/2018 ás 14h25

Publicada por: Bruna Dias

Mídia internacional repercute a vitória de Jair Bolsonaro
Veículos de imprensa dos EUA, Europa e América Latina repercutiram resultado da eleição brasileira.
Mídia internacional repercute a vitória de Jair Bolsonaro

Foto: Reprodução/El País

Sites de veículos de imprensa de diversos países noticiaram a vitória de Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais do Brasil, neste domingo (28). Veja a seguir como o resultado foi divulgado por alguns deles.

'New York Times' (EUA)

O jornal americano “New York Times” diz em sua primeira página que “Jair Bolsonaro, populista de extrema-direita, é eleito presidente do Brasil” e destaca que, após eleger dirigentes esquerdistas em quatro eleições seguidas, os brasileiros optaram por um novo rumo radical para a maior nação da América Latina.

'Wall Street Journal' (EUA)

Também nos EUA, o “Wall Street Journal” adota um tom parecido, sob o título “populista de extrema-direita ganha eleição presidencial no Brasil”, e afirmando que Bolsonaro pode ser incluído às crescentes fileiras de populistas em todo o mundo e que sua eleição inclina a maior nação da América Latina nitidamente para a direita. O jornal também disse que a eleição pôs fim a uma das campanhas mais turbulentas da história recente do Brasil e lembrou que Bolsonaro defendeu o período de ditadura militar, mas prometeu abrir as portas para uma nova era de ordem e progresso.

'El Mundo' (Espanha)

O jornal espanhol "El Mundo" noticiava que o Brasil, que tem sua sociedade "profundamente polarizada" escolheu dar a presidência a um "ultradireitista" em "suas eleições mais importantes dos últimos trinta anos". "Os brasileiros endossaram nas urnas ao candidato do PSL, de perfil autoritário, neoliberal, que flerta com o militarismo".

"Segundo alguns analistas, o discurso incendiário dado pelo ex-capitão do Exército no domingo passado, no qual ele mandava 'para prisão ou exílio' os opositores que não obedecessem às suas normas, assustou seus eleitores mais democratas", diz o diário conservador.

'El País'

O "El País", outro jornal espanhol, também destacou a eleição de um "ultradireitista" para a presidência do Brasil. "Com esse estilo de homem duro que chama as coisas pelo seu nome que tanto triunfa nestes tempos (veja o Trump americano, o Orban húngaro, o Putin russo, o Duterte filipino, o Erdogan turco ...), este capitão nostálgico da ditadura, na reserva desde o final dos anos 80, conseguiu capitalizar a indignação que embarga muitos dos brasileiros, o desencanto de sempre com a classe política, a raiva com a corrupção que come todos os partidos; um enfado generalizado de que se aproveitou Bolsonaro, apresentando-se como exemplo de limpeza.

'Le Monde' (França)

Os dois principais jornais franceses deram manchete para a eleição de Jair Bolsonaro. O “Le Monde” escolheu como título “Eleição no Brasil: o presidente eleito Jair Bolsonaro promete ‘mudar o destino’ do país”. Afirmando que o presidente eleito encarnou o candidato antissistema, o jornal listou preocupações com segurança e corrupção como principais razões para sua vitória.

 

*Com informações do G1

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista ADV

»

Amarante-PI Por Diogo Costa

Prefeitura Municipal de Amarante atuando nas atividades ao Novembro Azul

Prata do Piauí Por Wilton Alencar

Prefeitura de Prata realiza palestras em alusão ao ‘Novembro Azul'

Beneditinos Por Cascatinha Pessoa

Vem ai a aniversario da Igreja Assembléia de DEUS de Beneditinos

Alto Longá Por R. Bezerra

Secretaria de Saúde do município recede de prefeitura mais um veículo

Campo Maior Por Wellington Siqueira

Prefeito autoriza obra de recuperação da ponte da Cajazeira

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium