Quarta, 20 de fevereiro de 2019
(86) 99915-1055
Full paper
Política - Ex-candidato

Postada em 01/11/2018 ás 07h54 - atualizada em 01/11/2018 ás 11h19

Publicada por: Gustavo Miranda

Fernando Haddad é condenado a pagar R$ 200 mil a promotor
A acusação de corrupção foi investigada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.
Fernando Haddad é condenado a pagar R$ 200 mil a promotor

Foto: Divulgação/REUTERS

O ex-prefeito paulista e candidato à Presidência derrotado, Fernando Haddad (PT), foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar R$ 200 mil reais de indenização ao promotor Marcelo Milani. A decisão ainda cabe recurso.

Milani, que é promotor do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), processou Haddad após ser acusado por ele de ter pedido R$ 1 milhão de propina para não mover uma ação civil pública sobre a construção do estádio do Corinthians. O processo detalha que a declaração de Haddad foi feita em entrevista a uma revista em 2017.

A acusação de corrupção foi investigada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) e pela Corregedoria do MP. O ex-prefeito não entregou provas.

Em nota, a defesa do petista afirmou que ele ainda não foi intimado, mas entrará com recurso.

O juiz Fabio Fresca, da 4ª Vara Cível, entendeu que os fatos são "infundados" e até "criminosos".

“Não há dúvidas de que o comportamento do requerido teve o condão de caracterizar dano moral, pois, impôs ao autor passar por situações vexatórias e delicadas, nos âmbitos profissional, familiar e social, tendo que enfrentar o descrédito da sociedade e de seus pares diante da séria acusação de corrupção passiva e prevaricação”, escreveu.

De acordo com a assessoria de Haddad, "enquanto Prefeito de São Paulo, [a atuação dele] se restringiu a comunicar supostas irregularidades às autoridades cabíveis, sob pena de ser conivente com a situação".

"A oitiva de testemunhas que presenciaram os fatos e que podem auxiliar no esclarecimento da verdade, como o ministro Alexandre Moraes e o desembargador Roberto Porto, foi negada pelo juiz, embora expressamente solicitada em mais de uma ocasião pela defesa", diz nota.

Fonte: G1

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista ADV

»

Blog do Lucão (Timon e Região dos Cocais) Por Lucas Stefano

Preso em flagrante pela Denarc, acusado de vender Maconha e Crack em Timon

Redenção do Gurgueia Por Ampario Gil Pereira de Figueiredo

Bloco Me Abraça define programação do carnaval da rua Baiana

Água Branca-PI Por Lenno Oliveira

Prefeitura de Água Branca adquire equipamentos de informática

Monsenhor Gil Por Alberto Junior

Corso de Monsenhor Gil; Confira a programação

Miguel Leão Por Edverton de Oliveira Monte

Prefeitura realiza roço e limpeza nas margens da rodovia de acesso a cidade

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium