Domingo, 29 de Novembro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

27°

24° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
DOUGLAS FERREIRA
DOUGLAS FERREIRA
Douglas Ferreira é jornalista profissional e bacharel em Direito. Foi secretário de Comunicação em Caxias, no Maranhão e assessor de imprensa da CNBB e do Tribunal de Justiça do Piauí. Reportou para os portais AZ e 180 graus. Foi repórter das TVs Clube e Meio Norte e há 17 anos é repórter titular da TV Antena 10. Email:[email protected]
Teresina Polêmica do Uber
29/11/2018 16h05 Atualizada há 2 anos
Por: O Repórter e o Fato

Firmino Filho: eu não gosto dessa empresa Uber

A declaração foi por conta da indiferença da empresa em discutir a regulamentação em Teresina

Firmino Filho: eu não gosto dessa empresa Uber

“Eu não gosto desse Uber”. A declaração é do prefeito de Teresina, Firmino Filho. O prefeito fez a afirmação ao ser entrevistado no programa Bancada Piauí da TV Antena 10, desta quinta-feira, 29. Foi ao responder sobre a polêmica em torno da discussão na Câmara Municipal  de Teresina sobre o Projeto de Regulamentação do Transporte de Passageiro por Aplicativo.

Firmino não escondeu a insatisfação com a empresa Uber. Segundo o prefeito, “os motoristas têm o meu respeito, mas a empresa não. Essa empresa se julga a toda poderosa e não dá a mínima para as autoridades constituídas”.

Firmino Filho lembrou ainda que a empresa em momento algum se dispôs a sentar e discutir a regulamentação. “O interesse da Uber tem sido zero. Foram os motoristas que nos procuraram para propor a regulamentação e assim eles saírem da clandestinidade”, declarou.

Continua depois da publicidade

Outra crítica do gestor municipal foi quanto ao percentual cobrado pela empresa de aplicativo. “Veja que o Uber fica com 25% do faturamento do motorista, não paga um centavo de imposto e esquece completamente da cidade e das autoridades constituídas”, desabafou.

TEMPESTADE EM COPO D’ÁGUA

Firmino Filho disse também que há muita confusão em torno do Projeto de Lei. Ele diz que muitos pontos questionados sequer existem.

Continua depois da publicidade

“Veja, o projeto não fala em limitação do número de motoristas por aplicativo. Isso é uma invenção de quem não quer regulamentar o serviço”, disse.

Quanto a idade dos veículos o prefeito disse que pode haver uma flexibilização. “Ora, nós formatamos um projeto e semana passada houve uma reunião entre todos os interessados e os vereadores. Dos 11 pontos reivindicados pelos motoristas oito já chegaram a um consenso. Os outros pontos três são absolutamente negociáveis. Então não vejo problema”, finalizou.

Nota da Uber

Continua depois da publicidade

A Uber defende uma regulamentação justa e moderna, que não limite os aplicativos de mobilidade em Teresina. O Projeto de Lei 190/2018, que está sendo debatido na Câmara Municipal e visa estabelecer regras para os aplicativos na cidade, impõe inúmeras restrições ao serviço. Entre elas, as mais problemáticas são:

- Limite de motoristas autorizados a dirigir com aplicativos na cidade: essa medida comprometeria a eficiência do modelo, deixaria milhares de motoristas sem acesso a essa opção de renda e tornaria Teresina a única cidade do Brasil a adotar tal restrição, uma vez que regulações aprovadas recentemente em outras capitais, como Fortaleza e Recife, rejeitaram o limite; 

- Redução da idade veicular para 6 anos: a restrição não é condizente com a realidade da idade média da frota de carros da cidade. Além disso, a qualidade dos veículos pode ser avaliada de forma muito mais eficaz por meio de inspeções, já previstas no PL 190/2018, do que pela imposição de regras restritivas;

- Restrição para placas de Teresina: essa medida prejudicaria especialmente motoristas parceiros que moram em Timon e demais cidades do entorno  de Teresina, que ficariam impedidos de gerar renda com o aplicativo na capital.

A Uber permanece à disposição do poder público para debater como a tecnologia pode ser usada para o bem das pessoas e das cidades.

Foto: Renato Ricarte

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®