Domingo, 20 de setembro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Governo Setembro
Entretenimento - Acusação

Postada em 17/12/2018 ás 10h59 - atualizada em 17/12/2018 ás 11h26

Publicada por:

"Padre sertanejo" é acusado de ostentação e de ofender idosos
Entre as denúncias citadas estão reclamações de funcionários da Gazeta e TV Aparecida.

Foto: Reprodução

O Padre Alessandro Campos, novo contratado da RedeTV! e conhecido como “o padre sertanejo do Brasil”, foi alvo de denúncias que o acusam de ostentar riquezas na TV e maus tratos a idosos e funcionários de TV. As denúncias foram relatadas pelo colunista Ricardo Feltrin, do Uol, mas podem ser encontradas até no site de reclamações “Reclame Aqui”.

Segundo o colunista, pessoas indignadas com o anúncio de que o Padre Alessandro Campos ganharia um programa o bombardearam com mensagens denunciando o novo contratado da RedeTV!.

“Ele não é um padre mas um cantor sertanejo que está promovendo suas canções que não têm cunho religioso, bem como seus produtos para aumentar suas comissões. Entre um comercial e outro chovem mais anúncios”, disse uma telespectadora.

“Deveria ser programa com músicas religiosas, respeito e seriedade mas o que vemos são ofensas e brincadeiras bestas, idiotas que denigrem os idosos – no caso dele, chamados de velhos e velhas. Piadas de mau-gosto, brincadeiras imbecis e sem graça”, diz outra reclamação, desta vez publicada no site Reclame aqui.

Entre as denúncias citadas pelo colunista estão reclamações de funcionários da Gazeta e TV Aparecida que relatam ofensas e maus-tratos por parte do Padre. Há ainda espectadores que reclamam de produtos anunciados em seus programas e de terem pago 65 reais para participar de um programa que não foi realizado.

Público reclama e Padre Alessandro Campos se pronuncia

“Na plateia às vezes tem uma ou duas (mulheres) bonitas, o resto é tudo bagulho pra despacho”: Tô chocado com a frase desse cara que se diz religioso e falta com respeito com as pessoas que vão prestigiar o programa dele”, publicou recentemente um jornalista incomodado com o Padre em seu programa na Rede Vida.

Procurado, o Padre Alessandro Campos negou todas as acusações e reclamações feitas ao colunista Ricardo Feltrin.

“O padre sempre brinca com as senhoras, que adoram as brincadeiras. Claro que não é possível agradar a todos e, porventura, algumas podem não ter gostado em algum momento”, falou o Padre sobre uma das acusações.

Sobre ostentar riquezas, ele também deu sua justificativa: “Eu, padre Alessandro Campos, não fiz voto de pobreza. Perante à Igreja Católica não existe problema algum em um padre trabalhar e ganhar seu dinheiro (…) Em relação à minha casa, sim, é uma linda residência e trabalhei muito para isso“.

E negou ter sido denunciado no Vaticano por conduta inadequada: “Tudo que faço está de acordo com o Bispo Dom Pedro Luiz Stringhini que por sua vez está de acordo com a Igreja Católica Apostólica Romana. Quanto a denúncia no Vaticano nunca tive conhecimento de nenhuma”.

Fonte: OverTube

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Blog do Lucão (Timon e Região dos Cocais) Por Lucas Stefano

Assaltantes matam Sgt. aposentado e esposa na porta de casa em Timon

Corrente-PI Por Simone Borges

Corrente é destaque no Índice de Governança Municipal

Beneditinos Por Cascatinha Pessoa

Veja o eleitorado atualizado na 47ª zona eleitoral em Beneditinos

Gilbués-PI Por Lucas Oliveira

Amiltinho e Chiquinho consolidam suas candidaturas

Anísio de Abreu Por Gleniston Ferreira

IDEB aponta qualidade na Rede Municipal de Educação de Anísio de Abreu

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium