Sábado, 15 de agosto de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Camanha ProPiauí Julho
Piauí - Dados do Caged

Postada em 24/01/2019 ás 11h01

Publicada por: Bruna Sampaio

PI tem saldo positivo na geração de empregos pelo 2º ano consecutio
As áreas do comércio e agronegócio estão entre as de maior destaque.
PI tem saldo positivo na geração de empregos pelo 2º ano consecutio

Foto: João Allbert

O Piauí é o 4º estado do ranking do Nordeste com maior saldo de empregos formais gerados em 2018. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) que figura o resultado como o mais positivo desde 2014. No ano passado, o Piauí obteve saldo positivo de 5.662 empregos, número superior a 2017 quando o saldo foi de (+4.540), o que corresponde a mais contratações com carteira assinada do que demissões nos últimos dois anos.

Com o resultado no Caged, o Piauí se colocou em 4º lugar do ranking do Nordeste, atrás da Bahia (+28,6 mil), do Ceará (+23 mil) e do Maranhão (9.649). Para o diretor de Intermediação do Sistema Nacional de Empregos (Sine) do Piauí, Naliano de Neiva, o resultado positivo do Piauí se dá em detrimento das políticas públicas do governo que têm facilitado a instalação no estado de empresas nacionais e internacionais .

“As empresas estão investindo tanto na capital quanto no interior. As áreas do comércio e agropecuária junto ao agronegócio estão entre as de maior destaque. Nós fizemos uma seleção muito grande na área da energia eólica na região de Gilbués e São Gonçalo do Gurguéia, onde estão sendo empregadas mais de 2 mil pessoas e temos uma nova seleção prevista para fevereiro, em Queimada Nova, também na área de energias renováveis”, informou Naliano.

O diretor do Sine explica que toda vez que uma pessoa é empregada com carteira assinada no Piauí é feito o registro nacional no Caged.  Além da agropecuária e comércio, as áreas da construção civil, do transporte e da indústria têxtil também são responsáveis pela abertura de postos de trabalho. Naliano também ressalta que a contratação formal tem se descentralizado no estado, além de Teresina, outras cidades têm sido polos de emprego, dentre elas União, Gilbués, São Gonçalo do Gurguéia e São João do Piauí.

O Sine, que é vinculado à Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Setre), possui equipes de segunda a sexta-feira que trabalham na captação de vagas. Para ter acesso a oportunidades de trabalho formal, o interessado pode se cadastrar e acompanhar gratuitamente pelo www.sine.pi.gov.br ou baixar o aplicativo para smartphones Atende Sine Piauí.

Panorama Nacional

O Brasil também encerrou 2018 com saldo positivo de 529,5 mil empregos formais. Ao contrário do Piauí, este foi o primeiro saldo positivo desde 2014, quando houve geração de 420,6 mil empregos formais.

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Blog do Lucão (Timon e Região dos Cocais) Por Lucas Stefano

Vídeo: Filha do cantor Belchior e namorada são presas por homicídio em SP

São João do Arraial-PI Por Leônidas Silva

Prefeitura confirma primeiro óbito por Covid-19 em São João do Arraial

Colônia do Gurgueia Por Francelia

INTERPI entrega títulos de terra em Colônia Gurgueia

Santa Rosa Por R10 municípios

Prefeitura de Santa Rosa recebem kits de irrigação para agricultores

Angical Por R10 municípios

Prefeitura realiza pavimentação asfáltica em diversas ruas em Angical

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium