Terça, 18 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

32°

23° 32°

Teresina - PI

Últimas notícias
Entretenimento Nota
12/02/2019 11h59
Por: Bruna Sampaio

BBB19: Globo se pronuncia após abertura de inquérito sobre racismo

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Na segunda-feira (11) a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância do Rio de Janeiro, órgão da Polícia Civil, emitiu uma nota em que informa que abriu uma apuração com base em denúncias recebidas sobre atitudes racistas e de intolerância religiosa por parte de alguns participantes do Big Brother Brasil 19.

A TV Globo, então, se pronunciou e destacou que não recebeu notificação oficial, mas respeita a diversidade. "Não fomos notificados, mas é importante pontuar que a Globo respeita a diversidade, a liberdade de expressão e repudia com veemência qualquer tipo de intolerância e preconceito, em todas as suas formas. Desde 2016 a emissora mantém no ar a campanha 'Tudo começa pelo Respeito', em parceria com UNESCO, UNICEF, UNAIDS e ONU MULHERES, que atua na mobilização da sociedade para o fortalecimento de uma cultura que não apenas tolere, mas respeite e discuta amplamente os direitos de públicos vulneráveis à discriminação e ao preconceito. Desta forma, é importante reiterar que qualquer manifestação pessoal, equivocada ou não, feita pelos participantes do programa, não reflete o posicionamento da emissora", diz a nota da Globo.

Entenda o caso

Continua depois da publicidade

Na madrugada de domingo (10), já no final da festa iniciada na noite anterior, Maycon viu Rodrigo e Gabriela cantando uma música e comentou com Diego a sensação que teve.

"Foi assim eu estava aqui comendo, e tava o Rodrigo e a Gabi, eu comendo de 'boass'. De repente comecei a sentir um arrepio, e começou a tocar umas músicas esquisitas. De repente comecei a olhar e escutar uns negócios, tipo 'Não faça igual eles'", disse ele.

No dia seguinte, logo após a votação para a formação de paredão, ele voltou a tocar no assunto, desta vez com Paula e Hariany.

"Respeito as religiões, mas tenho um certo medo, porque já aconteceram muitas coisas comigo. Uma vez, vi dois urubus em pé, um de costas para o outro. Eram dois espíritos ruins, que estavam comendo umas macumbas. Ai na festa eu sentei ali de boa e comecei a comer. Daí o Rodrigo e a Gabriela chegaram, ficaram um de costas para o outro, se abraçaram e começaram a fechar os olhos. Ouvi várias vozes falando comigo dizendo: 'Não seja como eles'. Não só eles, mas todo mundo que é assim. Daí as vozes ficaram falando de Jesus Cristo", disse Maycon.

"Cheguei a ter medo da Hariany sair no paredão por causa disso, pela força deles dessas coisas", rebateu Paula, que por vezes já fez comentários sobre a cor e a religião dos outros participantes. 

Fonte: O Fuxico
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp