Domingo, 09 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

26°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília
Jornalista, comunicador, árbitro judicial, consultor diplomático, cônsul honorário da Bielorrússia, editor da Revista VOX e Publisher da BrazilianNEWS.
Política Destaques de Hoje
31/03/2019 09h05 Atualizada há 2 anos
Por: Jornalista Milton Atanazio

Hoje 31 de março, domingo - Veja as notícias de destaque nos jornais

Empresas acham que o país só cresce em 2020; Milícia expande poder no Rio de Janeiro. Jornais de domingo (31) - foto-arquivo
Empresas acham que o país só cresce em 2020; Milícia expande poder no Rio de Janeiro. Jornais de domingo (31) - foto-arquivo

Hoje 31 de março, domingo - Veja quais são as notícias de destaque nos matutinos brasileiros

Empresas acham que o país só cresce em 2020; Milícia expande poder no Rio de Janeiro. Jornais de domingo (31)

Depois da troca de farpas entre o presidente Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia (DEM-RJ) que fragilizou o clima político dentro do Congresso, O Estado de S.Paulo informa que um grupo de empresários que apoia o governo decidiu atuar pessoalmente na Câmara e no Senado em busca da aprovação da proposta de reforma da Previdência.

Continua depois da publicidade

Segundo o matutino, o chamado movimento Brasil 200 conta com a participação de Flávio Rocha, dono da Riachuelo, e de João Apolinário, da Polishop, entre outros. Os integrantes do grupo foram pessoalmente ao Congresso e já coletaram assinaturas de 230 deputados e 10 senadores que se comprometeram a apoiar a aprovação da reforma.

Além das assinaturas, o Estadão enfatiza que o grupo vai abrir um escritório de lobby em Brasília para ajudar na tramitação da proposta. Apesar de continuarem apoiando o governo, a confiança dos empresários em Bolsonaro não é mais a mesma após a frustração com a paralisia do governo. "Empresários abrem até escritório de lobby para aprovar Previdência", enfatiza a manchete do Estadão.

A Folha de S.Paulo mostra que a falta de articulação política do governo diminuiu as expectativas do setor empresarial sobre uma retomada da economia ainda em 2019. De acordo com o matutino, empresários acreditam que o crescimento ficará para 2020, especialmente na indústria.

A Folha cita a retomada lenta das vagas de emprego e enfatiza que a abertura de 26 mil vagas em janeiro e fevereiro representa um crescimento muito pequeno em relação aos 974 mil postos que já foram fechados no período de 2014 a 2018 no país.

Neste sábado (30), o presidente Jair Bolsonaro anunciou em seu Twitter que pretende reduzir impostos de empresas ao trocar a cobrança do Imposto de Renda pela cobrança sobre dividendos e ganhos de capital. Para Bolsonaro, uma tributação menor geraria competitividade interna até no exterior. "Empresas avaliam que retomada só virá em 2020", sublinha o título principal da Folha.

O Globo apresenta um mapa da expansão das milícias no Rio de Janeiro e afirma que, atualmente, os grupos atuam em 26 bairros da capital e em 14 cidades da região Metropolitana, dos Lagos e Costa Verde. O matutino carioca ressalta que os milicianos expandiram seus negócios e agora atuam em áreas como transporte ilegal, grilagem de terras e extorsão aos pescadores da Baía de Guanabara.

Segundo O Globo, as milícias parecem se regenerar apesar das tentativas de investigadores e promotores de acabarem com os grupos. Há 20 anos, apenas um grupo paramilitar agia em Rio das Pedras, Jacarepaguá. Agora, eles atuam em um território cada vez maior e, só no município do Rio, cerca de 2,2 milhões de pessoas estão sob o poder de milícias.

Segundo o promotor Luiz Antônio Ayres, os milicianos tentam tomar o controle das comunidades do lado esquerdo da Avenida Brasil, no sentido Rio-Santos, e agem de forma programada, com ações coordenadas, para expandir seu território de atuação. "Milícia já atua em 26 bairros e 14 cidades do Rio", destaca a manchete do Globo.

Fonte: g1
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp