Quarta, 26 de junho de 2019
(86) 99915-1055
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Política - Discussão

Postada em 15/04/2019 ás 15h19 - atualizada em 15/04/2019 ás 15h47

Publicada por: Bruno Paz

Bolsonaro se encontra com advogado que trata do atentado a faca em 2018
De acordo com o advogado, o encontro foi marcado para tratar sobre o caso em andamento.
Bolsonaro se encontra com advogado que trata do atentado a faca em 2018

Foto: Raysa Leite/AFP

O presidente Jair Bolsonaro recebeu na manhã de hoje (15) no Palácio do Planalto o advogado Sérgio Pitombo, que o defende no caso envolvendo Adélio Bispo, autor do atentado a faca sofrido pelo então candidato durante a campanha presidencial.

De acordo com Pitombo, o encontro foi feito apenas para tratar do andamento dos processos em que ele atua como advogado do presidente. "Dar uma satisfação de como estavam, apenas isso", disse Pitombo, que também atua na defesa de Bolsonaro na ação em que o presidente é réu no Supremo Tribunal Federal por injúria e incitação ao crime de estupro, relativo à deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)

Este caso está suspenso desde o início do ano porque a Constituição Federal proíbe que o presidente seja responsabilizado por atos anteriores ao mandato. No processo que investiga a facada contra Bolsonaro, um dos últimos andamentos foi o parecer do Ministério Público Federal (MPF) enviado à Justiça Federal em Juiz de Fora (MG).

Como mostrou o Broadcast Político, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, o órgão concluiu que Adélio é semi-imputável, ou seja, não tem inteira capacidade de compreender que o ato cometido era ilícito e, por isso, pode ter pena reduzida em caso de condenação.

 O posicionamento do MPF tem como base laudos periciais constantes no processo realizado por peritos psiquiátricos. Segundo o advogado de Adélio, Zanone Manuel de Oliveira Júnior, caso a Justiça siga o posicionamento da Procuradoria, a pena de seu cliente pode ser reduzida de dez para dois anos de prisão - a pena para o crime enquadrado no artigo 20 da Lei de Segurança Nacional é de seis a 20 anos de reclusão.

Fonte: Estadão

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Pau D'arco Por Carlos Eugênio

Prefeito de Pau D’arco do PI participa de projeto na APPM

Francinópolis Por Odair Morais

Prefeitura lança projeto de resgate histórico de Francinópolis

Miguel Leão Por Edverton de Oliveira Monte

Prefeito Robertinho anunciou asfaltamento para Miguel Leão

Santa Cruz dos Milagres Por R10 municípios

Prefeito Dr.Wilnei participou de capacitação de gestores educacionais

Campo Maior Por Wellington Siqueira

Novos vereadores são empossados na Câmara de Vereadores de Campo Maior

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium