Domingo, 25 de agosto de 2019
(86) 99915-1055
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected]
(86) 98104-5810
Cabeceiras do Piauí

Cabeceiras do Piauí

Francisco Rocha Correspondente do município.

[email protected]

(86) 98104-5810

Cidades - Reforma

Postada em 16/05/2019 ás 11h34 - atualizada em 16/05/2019 ás 15h40

Publicada por: Francisco Rocha

Obra de reforma do estádio municipal de Cabeceiras está paralisada
A obra é financiada com recursos oriundos do Governo do Estado do Piauí via Fundespi.
Obra de reforma do estádio municipal de Cabeceiras está paralisada

Fachada do estádio de futebol de Cabeceiras.

No ano de 2017 tinha início a obra de reforma do estádio municipal ‘Ozirão’, localizado às margens da PI-114, no bairro Escuridão, na cidade de Cabeceiras do Piauí. A obra, orçada em R$ 300.376,80 (trezentos mil, trezentos e setenta e seis reais e oitenta centavos) é financiada com recursos oriundos do Governo do Estado do Piauí via Fundação dos Esportes do Piauí (FUNDESPI).

Informações divulgadas à época davam conta de que a reforma previa a reforma dos vestiários, banheiros, arquibancadas, gramado, alambrados, irrigação e iluminação, e ainda a construção de pontos comerciais. No entanto, o que chama a atenção é a placa que existia no local da obra, que anunciava, dentre outras informações, o prazo de conclusão da reforma: 90 dias. No local não existe mais a placa sobre a natureza da obra, valores e construtora responsável, porém foi recuperada uma imagem de arquivo.

No Portal da Transparência do Governo do Estado, que pode ser acessado por qualquer cidadão comum, que tem o direito de saber no que e de que forma os recursos públicos são aplicados, é possível acompanhar o andamento da execução da obra.

No local é possível constatar que, dentre as melhorias anunciadas, foram concluídas a construção de pontos comerciais e alteração da fachada, dentre outras modificações.

O cenário observado no estádio é de total abandono. O que era para ser o gramado cedeu lugar ao matagal. Vestiários e banheiros se encontram totalmente deteriorados pela ação do tempo.

O estádio municipal foi construído e inaugurado no ano de 2008 na gestão do ex-prefeito José Ozires, que o conseguiu junto ao Governo do Estado e esteve em pleno funcionamento até a administração do ex-prefeito José Belim, até o ano de 2012.

O QUE DIZ A PREFEITURA.

O prefeito do município de Cabeceiras do Piauí, José Joaquim, se posicionou a respeito do atraso na conclusão da reforma do estádio de futebol. O gestor explicou que a obra não é totalmente da prefeitura, e sim realizada através de convênio com o Governo do Estado, via Fundespi. Disse ainda que o estádio foi construído pelo ex-prefeito José Ozires no ano de 2008 em um terreno privado que não foi pago e ao assumir a prefeitura em 2013 encontrou o estádio interditado. “A proprietária do terreno (dona Gema) acionou a justica e solicitou a interdição do estádio alegando que o terreno onde ele estava construído não havia sido pago”, pontuou.

O prefeito informou ainda que em 2014 negociou a compra do terreno, mas a proprietária queria o valor de R$ 200 mil, porém, após um acordo, chegaram a um consenso sobre o valor de R$ 80 mil, divididos em parcelas de R$ 10 mil, abatendo-se R$ 35 mil de IPTU que a proprietária devia à prefeitura. O gestor disse que o promotor de justiça passou quase 2 anos até emitir um parecer sobre o valor justo do terreno.

José Joaquim acrescentou que após formalizado o acordo, conseguiu junto ao Governo do Estado, via Fundespi, um projeto de reforma com iluminação, gramado e 8 pontos comerciais no valor de R$ 300 mil com contrapartida da prefeitura de 3% do valor ainda em 2014. O gestor informou que o governo liberou a 1ª parcela do convênio há 3 anos, cujo recurso foi utilizado e já houve a prestação de contas. “O restante dos recursos (a 2ª e 3ª parcelas) está sendo pleiteado junto ao Governo do Estado há 2 anos, que alegando dificuldades financeiras, não tem liberado o dinheiro, causando a paralisação da obra", concluiu.

Fonte: Direto da Redação

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium