Sábado, 25 de maio de 2019
(86) 99915-1055
redacao@portalr10.com
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Geral - PLC

Postada em 07/12/2017 ás 17h17 - atualizada em 07/12/2017 ás 17h25

Publicada por: Bruna Dias

CCJ aprova projeto que torna crime calúnias contra candidatos durante as eleições
Quem acusar injustamente um candidato de ter cometido um crime apenas para influenciar o resultado das eleições poderá ser punido com dois a oito anos de prisão.
CCJ aprova projeto que torna crime calúnias contra candidatos durante as eleições

Foto: Reprodução

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania aprovou nessa quarta-feira (6) o projeto que torna crime a divulgação de acusações falsas contra candidatos durante as eleições (PLC 43/2014). De acordo com o texto, quem acusar injustamente um candidato de ter cometido um crime apenas para influenciar o resultado das eleições poderá ser punido com dois a oito anos de prisão, e ainda pagar multa.

A pena será aumentada em 1/6 se o caluniador usar um nome falso ou fizer uma denúncia anônima. O relator da proposta, senador Acir Gurgacz (PDT-RO), acredita que a mudança pode ajudar a combater atitudes “rasteiras e abomináveis”, que violam a democracia ao influenciar o resultado das eleições. O projeto segue agora para análise do Plenário do Senado. 

 

Fonte: Senado

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Amarante-PI Por Diogo Costa

Arizinha declara inocência do companheiro na Delegacia de Amarante

Oeiras Por Thainah Cortez

7ª Expoeiras incentiva a agricultura familiar e gera oportunidade em Oeiras

Alto Longá Por R. Bezerra

Prefeito e Secretário, falam sobre Feira Agropecuária

São João do Arraial-PI Por Leônidas Silva

Armazém Paraíba está com muitas promoções na última semana de Maio

Olho D'água do Piauí Por Jô Mendes

Partícipe hoje (25), de mais uma rodada da Copa Ampar em Olho D'água

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium