Domingo, 25 de agosto de 2019
(86) 99915-1055
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Equatorial - Energia
Piauí - Maternidade

Postada em 18/07/2019 ás 07h55 - atualizada em 18/07/2019 ás 09h59

Publicada por: Redação

Dona Evangelina Rosa completa 44 anos e é referência no Estado
A história da maternidade carrega boas lembranças e reconhecimento.
Dona Evangelina Rosa completa 44 anos e é referência no Estado

Foto: Divulgação

A Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER) completou 44 anos no último dia 15 de julho e nessas mais de quatro décadas segue sendo uma referência no estado, sendo responsável por trazer milhares de piauienses ao mundo. A história da unidade carrega boas lembranças, histórias de superação e reconhecimento por um trabalho de excelência mas há ainda a projeção de um futuro de grandes mudanças. 

A instituição tem suas atividades direcionadas para a assistência ao binômio mãe-filho classificados como alto risco e para o ensino de graduação e pós-graduação em diferentes áreas da Saúde. Atualmente, a maternidade vive período de reformas e adaptações, com destaque para a inauguração da Unidade de Cuidados Intermediários para Recém-Nascidos Modalidade Canguru com novos vinte leitos, realizada pelo governador Wellington Dias e pelo secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, no início do mês de julho.

À frente da Instituição há dois anos, o diretor geral Francisco de Macedo, destaca a importância da nova unidade canguru que já está em funcionamento. “Os leitos canguru são essenciais para a recuperação do recém-nascido. Geralmente, o bebê prematuro vem ao mundo com baixo peso e a unidade canguru vai então prepará-lo para chegar ao peso adequado e, assim, ir para casa com a mãe sem maiores problemas”, explicou. 

A MDER também tem como presente o equilíbrio entre receitas e despesas, alcançado pela atual gestão, mesmo em meio a um processo de reestruturação física, com uma série de reformas e ampliações. Francisco Macedo ressalta que dirigir a Evangelina Rosa tem sido um grande desafio. “Por ser a maior maternidade pública do estado e a segunda do nordeste em atendimento pelo Sistema Único de Saúde, além da série de dificuldades que enfrentamos. Foram momentos delicados, mas estamos nos superando", declarou.

O diretor da Evangelina Rosa explica que, quando ingressou na unidade, foi necessário fazer um estudo para chegar a um equilíbrio financeiro. “Fizemos um estudo detalhado com ajuda de técnicos da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e, com apoio do Governo do Estado, conseguimos, hoje, equilibrar receita e despesa. A maternidade não tem débito e o que a gente está produzindo e recebe de custeio. Isso equilibrou nossas despesas, com expectativa de alcançarmos superavit", calcula Macedo.

Avanços

Após a reforma da Ala C, entregue no último dia 1º, a MDER aguarda a conclusão do processo de licitação de mais 44 leitos de obstetrícia. Foi realizada a compra de 124 camas novas com colchões, poltronas e escada. Além disso, foram recuperadas mais de 100 poltronas de acompanhantes.

No que tange os exames complementares laboratoriais, foram supridas as necessidades de insumos para a realização de exames complementares no laboratório próprio da MDER. Os exames microbiológicos vêm sendo realizados no Lacen desde o mês de maio de 2018. O número de exames laboratoriais realizados por mês, passou de uma média de 5 mil para 15 mil, atualmente.

A maternidade vive hoje uma fase em que passa por uma série de reformas, construções, recuperações. “Somente em janeiro deste ano, foram concluídas a reforma do setor Admissão, com sala de estabilização, e reforma da sala de Classificação de Riscos, da Central de Materiais e do Serviço de Radiologia. Todos os espaços foram equipados com o que há de mais moderno em maquinários, mobília, macas, etc”, enumera o diretor geral Francisco Macedo.

A recuperação de banheiros, pisos, janelas e pintura já foi concluída. Além disso, foi reconstruído o parque tecnológico de imagem, instalado novo piso no centro cirúrgico e centro obstétrico. Com a inauguração da Central de Materiais (CME), a capacidade de esterilização da maternidade foi duplicada para 1.400 quilos de material por dia.

Em março deste ano, a maternidade Dona Evangelina Rosa investiu R$ 73 mil e adquiriu uma máquina unitarizadora, que faz fracionamento de medicamentos. O equipamento, adquirido de forma pioneira, foi pago com recursos próprios da MDER e garante controle na medicação. “Outras obras grandes estão por iniciar e não podemos parar investimentos e reforma porque a maternidade Evangelina Rosa é a única que temos no Estado para pacientes de alto risco”, acrescenta o diretor.

Macedo lembra ainda que a unidade tem crescido no serviço de Ensino e Pesquisa, da cirurgia e neurocirurgia pediátrica, o que a consolida como referência. Relativo ao ensino a MDER é campo de estágio de vários cursos de graduação e pós-graduação na área da saúde para as universidades Federal e Estadual do Piauí, além de várias instituições privadas e acolheu, durante o ano de 2018, 39 projetos todos aprovados na Plataforma Brasil e recebeu, nesse mesmo período, 12 projetos conclusos.

Outro ponto da transformação é funcional. Uma reestruturação de equipes está em andamento de coordenações, como, por exemplo, a Núcleo de Ensino e Pesquisa, que está sendo melhorado. A Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) foi reorganizada e já apresenta resultados, assim como Comissão Interna de Prevenção de acidentes (CIPA). Além de todo esse trabalho, profissionais de vários setores estão sendo qualificados através treinamentos administrados pelo Núcleo de Educação Permanente (NEEPs). Todo esse esforço acontece em regime de cooperação e visa melhorar e manter a qualidade nos serviços oferecidos.

Indicadores de assistência

A instituição concentra seus esforços na busca permanente da excelência do atendimento integral, individualizado e qualificado ao paciente, além de investir no desenvolvimento científico, por meio da educação e da pesquisa. Com uma equipe assistencial qualificada, reconhecida como uma das melhores do Estado do Piauí, corpo clínico renomado, a MDER possui algumas certificações da área da assistência materno-infantil: Hospital Amigo da Criança - titulo conferido pelo Unicef e pelo o Ministério da Saúde, Banco de Leite padrão-ouro, referência estadual na Metodologia Canguru (método que tem chancela da OMS), Serviço de assistência a mulher vítima de violência (Samvvis) considerado o mais organizado do país, além de outros serviços assistenciais pioneiros no Estado.

A maternidade, em parceria com o Ministério da Saúde, tem investido constantemente na formação de seus colaboradores oferecendo-lhes diversas atividades voltadas para a promoção da saúde e da qualidade de vida. 

Com base nos indicadores de assistência de notificações compulsória (óbitos e doenças de notificação compulsória) a MDER foi classificada, recentemente, como instituição de boa qualidade assistencial de acordo com o Ministério da Saúde. “Afirmamos o nosso compromisso em continuarmos seguindo as recomendações do Conselho Regional de Medicina, da Vigilância Sanitária, do Conselho Regional de Enfermagem, do Ministério Público e, principalmente, através de nossa determinação e vontade, alcançar o objetivo maior que é prestar uma assistência cada vez melhor qualificada à população, o que consideramos factível graças a excelência dos profissionais que compõem os diferentes seguimentos funcionais da MDER”, afirma Macedo.

Fonte: Ccom

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Blog do Lucão (Timon e Região dos Cocais) Por Lucas Stefano

Acusado de assaltos é executado na noite deste sábado em Timon

Campo Largo-PI Por Roberto Freitas

São José Futebol Clube é terceiro lugar no campolargoense 2019

São Miguel do Tapuio Por Valter Lima

Clube 3 Irmãos apresenta grandes bandas no aniversário de 16 anos

Inhuma-PI Por Juerismar Luis

Escolha do Livro Didático 2020

São João dos Patos - MA Por Cleyton Luis

Subtema e noitarios de hoje 24/08 do festejo de São Raimundo Nonato

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium