Quarta, 23 de setembro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Camanha ProPiauí Julho
Polícia - Licitação

Postada em 25/07/2019 ás 10h57 - atualizada em 25/07/2019 ás 15h51

Publicada por: Geysa Silva

Secretário, esposa e empresário são presos por fraude em Guadalupe
Operação 'Lixo de Ouro' realiza buscas e apreensões no município
Secretário, esposa e empresário são presos por fraude em Guadalupe

Foto: Divulgação - Polícia Civil

Mais uma operação está sendo deflagrada pela Polícia Civil do Piauí. Agentes estão no município de Guadalupe, sul do Estado, para desarticular um esquema que teria desviado recursos públicos da prefeitura daquele município.

Denominada “Lixo de Ouro”, a ação tem o objetivo de coibir a prática de fraudes a licitação, corrupção passiva e ativa e falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Até o momento, o empresário Edvan Morais, o secretário de planejamento e gestão do município, Willames Bomfim e sua esposa, Vanessa Rodrigues, foram presos. Neste momento, a Polícia está cumprindo mandatos de busca e apreensão na Secretaria de Infraestrutura de Guadalupe.

Licitação fraudulenta

De acordo com a polícia, os suspeitos teriam fraudado um processo licitatório, favorecendo o secretário. As investigações apontam que a empresa vencedora era de propriedade da esposa de Willames, mas por ela ser da família não podia concorrer. Então, antes do processo, ela saiu da empresa e colocou o empresário Edvan Morais.

A licitação tinha como objeto a contratação de serviços de limpeza pública na cidade, com valor previsto em mais de R$ 1 milhão.

Prefeitura fazia a limpeza

Durante as investigações a polícia chegou à conclusão de que, na prática a prefeitura municipal vinha fazendo o serviço de limpeza pública, que deveria estar sendo realizado pela empresa.

O delegado Thiago Silva citou ainda o valor altíssimo que vinha sendo gasto. "Essa empresa recebia o valor para fazer a limpeza e quem fazia era a prefeitura. Além disso, o valor da licitação só nos primeiros sete meses foi de mais de R$ 1 milhão, valor altíssimo para coletar lixo em uma cidade com pouco mais de 10 mil habitantes", frisou. 

Prisões e apreensões

Além do secretário e a esposa, além do empresário, que foram presos na cidade, a polícia também apreendeu documentos e objetos durante as buscas. Foram encontrados contratos, documentos e extratos bancários. Na casa do secretário a polícia também encontrou uma arma.

Os presos permanecem na sede da delegacia de Guadalupe e serão investigados.

Outro lado

O Portal R10 tentou contato com a prefeita do município, Neidinha (PSD), para que a mesma se manifeste sobre o assunto, mas não obteve sucesso até o momento do fechamento da matéria. O espaço permanece aberto para que a mesma se manifeste.

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Jornal Portal R10

»

Blog do Lucão (Timon e Região dos Cocais) Por Lucas Stefano

Vacinação contra Sarampo em Timon para jovens de 20 a 49 anos segue até 31/10

Demerval Lobão - PI Por Katia Cruz

Demerval Lobão | Cursos presenciais e a distância é na Meta Treinamentos

Cabeceiras do Piauí Por Francisco Rocha

Assaltantes fazem arrastão na localidade Vaca Brava I em Cabeceiras

Picos Por Jucelma Sales

PICOS | Bandidos roubam carro, capotam veículo e fogem em direção a mata

Landri Sales-PI Por Domingos Veloso

Campanha de combate à poluição atmosférica é iniciada em Landri Sales

Mais lidas da semana

»

© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium