Terça, 07 de abril de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Campanha CCOM coronavírus
[email protected]
86 9 9834-2372
Oeiras

Oeiras

R10 municípios Correspondente do município.

[email protected]

86 9 9834-2372

Cidades - Atividades

Postada em 26/07/2019 ás 15h38

Publicada por: R10 municípios

Prefeitura inaugura Biblioteca Municipal dia 1° de agosto
Localizado no prédio onde funcionava a antiga sede do Tribunal de Justiça.
Prefeitura inaugura Biblioteca Municipal dia 1° de agosto

Foto: Divulgação/Ascom

O prefeito José Raimundo e o secretário municipal de Cultura e Turismo, Stefano Ferreira, inauguram na próxima quinta-feira, 1° de agosto, a Biblioteca Municipal de Oeiras.

Localizado no prédio onde funcionava a antiga sede do Tribunal de Justiça, no Centro Histórico da cidade, o espaço leva o nome do escritor oeirense, José Expedito Rêgo, e conta com um vasto acervo, centro de leitura público com cabines individuais, sala para leitura infantil, salas para trabalhos, pesquisas, estudos e leituras em grupos.

No primeiro semestre deste ano, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo realizou uma campanha de arrecadação de livros para atualização e ampliação do acervo do novo equipamento cultural, que será aberto com investimentos próprios do município.

Segundo a Prefeitura de Oeiras, a intenção é que a Biblioteca integre o cotidiano da cidade, incentivando a democratização do acesso à leitura e resgatando a importância do contato com o livro, fundamental para a formação de novos leitores.

Na quinta, durante a solenidade de inauguração acontecerá um colóquio sobre a obra do autor homenageado, conduzido pela professora Elimar Barros.

Homenagem

A Biblioteca Municipal recebe o nome do escritor José Expedito de Carvalho Rêgo. Nascido em Oeiras, José Expedito formou-se em medicina e, além de atuar como médico, foi jornalista, poeta e romancista, sendo autor de vários livros, entre eles, “Né de Sousa” (biografia romanceada do Visconde da Parnaíba, Manoel de Sousa Martins), “Caminhos da Loucura” e “Malhadinha”, considerada pela crítica literária sua obra-prima. É também autor da letra do Hino de Oeiras.

Como jornalista, editou em parceria com Possidônio Queiroz e Costa Machado, o jornal mensal “O Cometa” que circulou, em Oeiras, de 1971 a 1976. Foi um dos fundadores do Instituto Histórico de Oeiras e membro titular da Academia Piauiense de Letras. Faleceu no dia 31 de março de 2000, deixando um importante legado para literatura de Oeiras, do Piauí e do Brasil.

Fonte: Prefeitura Municipal

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium