Terça, 22 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

27°

22° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 municípios
R10 municípios Redação do Portal R10 / Equipe R10 Municípios
Cidades Em Geminiano
04/09/2019 15h06
Por: Geysa Silva

Alunos de projeto social em Geminiano participam de Campeonato de Capoeira

Foto: Cidades na Net
Foto: Cidades na Net

Dois alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do Assentamento União – SCFV, grupo desenvolvido e apoiado pela Prefeitura Municipal de Geminiano, participam do Copa Cajuína de Capoeira, a qual iniciou nesta terça-feira (03), em Teresina.

O Contramestre Catraca, responsável pela equipe que sairá de Picos, na qual os alunos de Geminiano estão incluídos, declarou que a intenção é fazer com que os alunos entendam como funcionam as competições e se preparem para o próximo ano.

“Estamos levando membros do Grupo Palmares de Capoeira para o Copa Cajuína, dentre eles, o Cleisson e a Vitória, que são nossos alunos no grupo social no Assentamento União, município de Geminiano. Este é um grande tornei que tem todo ano, vindo até gente do exterior. E estamos indo participar desse evento e levando os alunos para que eles comecem a entender como deve agir um verdadeiro capoeirista dentro de um torneio”, disse ele.

Continua depois da publicidade

Ele relatou ainda que essa é uma oportunidade de preparo para os alunos, a fim de que participem no próximo ano.

Maria Vitória, aluna do projeto municipal de Geminiano há seis meses, disse estar feliz em poder participar do Copa Cajuína e do que mudou na sua vida com o grupo. “Estou amando poder ir, porque vendo como funciona, poderei aprender mais. É uma oportunidade muito boa. Desde que comecei a capoeira, muita coisa mudou. Por exemplo, os jovens daqui éramos muito afastados. A capoeira fez com que nos envolvêssemos mais. Há outros jovens que têm se envolvido através disso”.

“Espero que com essa ida eu possa aprender mais e que, no próximo ano eu possa fazer a mesma coisa: competir com meu grupo”, disse Cleisson Lopes, aluno do SCFV.

Valdênia Lacerda, coordenadora do SCFV, relata de que maneira o projeto tem contribuído para o desenvolvimento dos jovens da comunidade.

“É muito gratificante ver esses jovens saindo para esse campeonato. O trabalho começou bem pequeno e está se expandindo muito, principalmente em relação à vivência dos jovens. Somos uma localidade pequena e, por isso, os jovens têm pouco acesso às várias coisas que lhes poderiam ajudar nesse processo de desenvolvimento. Esse projeto tem feito a diferença na vida deles, então é muito gratificante vermos eles saindo para mostrar o trabalho deles”, pontuou.

O SCFV possui ainda dois grupos com os quais trabalham ações sociais: os idosos e crianças de 3 a 6 anos, além dos adolescentes e jovens.

Fonte: Cidades na Net
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp