Quinta, 21 de novembro de 2019
(86) 98111-9939
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Nova Comunicação 2
[email protected]
86 99906-7459
Professor Sucupira

Professor Sucupira

Professor Sucupira Coluna do Professor Sucupira

[email protected]

86 99906-7459

Política - Democracia sempre!

Postada em 15/09/2019 ás 11h30 - atualizada em 16/09/2019 ás 06h13

Publicada por: Professor Sucupira

OS CONTRA-ALÍSIOS POLÍTICO NO BRASIL
Que venha os ventos alísios da democracia
OS CONTRA-ALÍSIOS POLÍTICO NO BRASIL

Os ventos alísios e contra-alísios fazem parte da dinâmica produzida pela célula de Hadley, importante celula da circulação geral da atmosférica, pois produz transferência de calor e umidade dos oceanos e da atmosfera para a manutenção do balanço térmico geral. Os dois tipos de ventos existente na célula são importantes para o seu equilíbrio. Fiz questão de começar esse texto com a conceituação a respeito de uma dinâmica atmosférica para lembrar que neste momento o Brasil está vivendo o momento político típico dos ventos contra-alísios — ventos que sopram do equador para os trópicos em altitudes elevadas — que são ventos secos, geralmente ocorrem ao longo dos trópicos onde os maiores desertos da terra se concentram. É lógico que há outros fatores climáticos que contribuem para a formação de desertos, mas no Brasil, esse período político que estamos vivendo, a celular da democracia está a sofrer um contra-alísios político muito intenso. O contra-alísios político com ventos intensamente secos da pluralidade democrática e com formação dos desertos de censuras típicos dos regimes antidemocráticos que estacionou sobre o território brasileiro (desculpa mTc por colocar você na história). Infelizmente, a calmaria, uma das características produzidas pelos ventos contra-alísios na faixa equatorial do globo, não é real no Brasil político atual.

Os ventos do contra-alísios político no Brasil está a produzir uma dinâmica resultante de discurso e prática movida pelo ódio

Pelo ódio, estamos perdendo garantias sociais e políticas fruto de luta histórica;

Pelo ódio, aceita-se a censura ideológica;

Pelo ódio, se desconstrói as liberdades;

Pelo ódio cego construída pela verdade-mentirosa, estamos ouvindo as falas contestadoras contrárias às instituições científicas de reconhecimento internacional;

Pelo ódio cego do senso comum, ouve-se aplausos aos ataques às instituições que buscam garantir o Estado democrático do direito

Pelo ódio cego, aceita-se o discurso e as ações antiambientalista;

Pelo ódio cego, aceita-se e aplaude-se os discursos raivosos e preconceituosos;

Pelo ódio cego, as ações de perseguições às vozes de críticas ao governo, são vistas como corretas;

Pelo ódio cego, a imagem negativa do Brasil que está sendo construída na comunidade internacional, não causa vergonha aos que apoiam a atual política externa brasileira;

Pelo ódio cego dos marionetes-eleitores, aceita-se o nepotismo familiar em silêncio;

Pelo ódio cego, defende-se que o despreparado filho do presidente venha assumir a embaixada nos EUA, mesmo ciente que ele não tem competência para o cargo;

Pelo ódio cego, as marionetes-políticas-pobres da direita pobre que pesam que são ricos, estão a ajudar criar o atual governo

Que venha o período longo dos ventos alísios políticos, pois eles são os responsáveis por transportar umidade da democracia na zona térmica tropical, equatorial e subtropical do Brasil e produzir as chuvas das liberdades plurais que são típicas do estado do direito democrático

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium