Sábado, 28 de Novembro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

25°

24° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Vania Pereira de Sousa
Vania Pereira de Sousa Correspondente do município.
Cidades Licitação
18/09/2019 22h42 Atualizada há 1 ano
Por: Vania Pereira de Sousa

Vereador confessa fraude em licitação no Município de Redenção do Gurgueia

Vereador de sete mandatos confessa crime em licitação por descuido em sessão ordinária na Câmara

Foto ilustrativa
Foto ilustrativa

O Vereador Daniel Bezerra, aliado do atual Prefeito (Ângelo José Sena Santos) “Dr. Macaxeira” e mestre de obra, confessou em plena sessão ordinária na Câmara Municipal no último dia 26 de Agosto do corrente ano de 2019, que estava executando obra onde a licitação foi lançada e ninguém compareceu para concorrer, ou seja, foi deserta. Segundo o Vereador, a Presidente da Comissão de Licitação teria mandado ele "suspender" a execução da obra, uma vez quê nenhuma empresa compareceu na licitação. Ele confessa ainda que sabe qual a empresa que executará a obra, e, que teria levado uma pessoa para olhar a supracitada, onde no local já tem  (03) três carradas de pedra.

Diz ainda que tratou com o Prefeito e Secretário sobre o assunto, e que a pessoa responsável pela execução da obra seria a mesma que executou a reforma  do palco municipal.

O Vereador Daniel Bezerra estava respondendo durante a sessão a matéria que teria sido veiculada pelo Portal R10 e pelo o também Vereador Ampario Gil onde denunciou irregularidades no projeto que prejudicaria pessoas residentes no entorno do bueiro, além das conseqüências que as mesmas sofreriam como insuficiência de passagem da água e o acúmulo de detritos que as chuvas trariam, onde represariam e inundariam as casas vizinhas, além disso, questionava na mesma sessão a demora da construção das pontes referentes às ruas: Rondonistas e Nova.

Pelo que foi dito pelo Vereador Daniel Bezerra, tanto ele, quanto o Prefeito “Dr. Macaxeira” e o Secretario Cândido do Lago Neto (sobrinho da Vereadora Nilda Soares), A Presidente da Comissão de Licitação Eliane Cardoso, o dono da construtora, e demais envolvidos teriam cometido crimes contra a administração pública onde poderão responder por formação de  quadrilha, peculato, combinação em licitação art. 90 da lei 8666/90, corrupção passiva e ativa, ferindo a Lei Orgânica do Município.

Em Junho de 2018 os Vereadores Ampario Gil-PSB e Edivaldo Rodrigues-PP denunciaram à GAECO e TCE diversos crimes cometidos pela atual administração do Dr. macaxeira, entre eles, fraude em licitação no Município que até agora não foram sequer investigadas pelos órgãos competentes. Alguns crimes  continuam ocorrendo livremente de forma natural. O Prefeito e Secretários foram denunciados por nepotismo (súmula 13) e por ferir o art. 98 da Lei Orgânica.

São muitos os parentes até terceiro grau do Prefeito, Vice, Secretários e Vereadores contratados em cargos comissionados e contratados temporariamente sem concurso ou outro meio legal. O filho do Vereador Daniel  Bezerra  está entre os citados, pois ocupa o cargo de Diretor do Departamento de Trânsito do Município,  vinculado à Secretaria de Administração onde tem sido apenas mais um a ser adicionado ao cabide de emprego.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®