Sexta, 25 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

23°

23° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Esportes Brasileiro
25/09/2019 10h33
Por: Bruna Sampaio

Botafogo encara o Bahia em busca de reaproximação com o G-6

João Paulo é o organizador do meio-campo botaguense Foto: VITOR SILVA/BOTAFOGO
João Paulo é o organizador do meio-campo botaguense Foto: VITOR SILVA/BOTAFOGO

O Botafogo está numa espécie de limbo do Brasileirão. Os pecados não são o bastante para que o time flerte com o inferno da zona de rebaixamento. Ao mesmo tempo, o Alvinegro não acumula boas ações suficientes para ocupar o alto da tabela. Hoje, às 21h30, na terra de Todos os Santos, contra o Bahia, Botafogo tentará colocar um pouco de graça na campanha atual.

Nos últimos 12 jogos, o time de Eduardo Barroca tem seis derrotas, três empates e três vitórias. Depois de passar três rodadas em décimo, o Botafogo é o porteiro da segunda metade da tabela, em 11º. Vencer o Bahia é fundamental para voltar a sonhar com uma vaga na Libertadores. Não custa nada.

— Estamos fazendo cada jogo como uma final. Bahia hoje é um adversário que está na nossa frente, então temos que fazer o máximo para diminuir essa vantagem. É um grande jogo. Um confronto direto, sim. Temos que estar focados para conseguir os três pontos — disse o meio-campo João Paulo.

Continua depois da publicidade

O desafio em Salvador não é simples porque o Bahia tem se mostrado um adversário organizado. E ainda conta com a boa fase de Gilberto, vice-artilheiro do Brasileirão, com 11 gols.

Já o Botafogo tem apresentado repertório pobre, mesmo quando vence. E essa assertiva não se refere ao caos financeiro, que ainda motiva o protesto do elenco por não receber salários. O elenco recebeu apoio do torcedor na causa. Mas, em que pese o esforço, está devendo desempenho.

— É muito importante sempre somar pontos num campeonato muito equilibrado. Como a gente não conseguiu os três pontos em casa, precisamos buscar esses três pontos fora — disse João, referindo-se à derrota para o São Paulo, no sábado.

Na Fonte Nova, o cenário se agravará pelos desfalques. O meia Luiz Fernando e o lateral-direito Fernando estão suspensos. Isso deve abrir brecha para que Eduardo Barroca traga Marcinho à posição de origem, e coloque Rodrigo Pimpão e Leo Valencia. Outros que estão fora de combate são Joel Carli e Alex Santana, machucados.

Fonte: Jornal Extra
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp