Sábado, 19 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

32°

22° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Blog do Lucão
Blog do Lucão Fique por dentro de tudo que acontece na região.
Cidades Policial
25/09/2019 16h07 Atualizada há 2 anos
Por: Blog do Lucão

Senarc-MA desmonta quadrilha comandada de dentro de 'Pedrinhas'

Senarc-MA desmonta quadrilha comandada de dentro de 'Pedrinhas'

A Superintendência Estadual de Combate ao Narcotráfico do Maranhão (Senarc) deflagrou a "Operação Forseti" para combater o tráfico de drogas na Região Metropolitana de São Luís. Na manhã desta quarta-feira (25), 15 pessoas foram presas em São Luís e São José de Ribamar por força de mandados de prisão.

 
 
 
 
 

Pelas informações do superintendente Breno Galdino, o objetivo era desarticular um grupo criminoso que tem como líder José Ribamar Macedo Máximo, conhecido como “Ribinha”, que cumpre pena no Complexo Penitenciário de Pedrinhas e controlava as ações do grupo criminoso em São Luís e Ribamar.

 
 

"Em alguns casos acontece desse jeito, o traficante é preso, mas o crime continua, então iniciamos a investigação e neste caso foram quatro meses de levantamentos que serviram para identificar as ramificações", disse Breno Galdino.

Continua depois da publicidade
 
 
 
 
"Ribinha" comandava a quadrilha de dentro da Penitenciária de Pedrinhas
 
 

Segundo a polícia, a concentração da operação foi no bairro João Paulo. A mãe de “Ribinha” foi uma das conduzidas pela polícia à Senarc para prestar depoimento.

 
 

Os presos na operação foram identificados como:

 

–Vânia Lucia Melo do Nascimento,

 

–Lucas Mateus dos Santos Maximo, residente no João Paulo;

 

–Fabiana Macedo Máximo,

 

–Maria Do Socorro Diniz Macedo, residente no João Paulo;

 

–Roberto Rivelino Mendes Costa, residente no Parque Pindorama;

 

–Silvia Nunes De Sousa, residente no Coroado;

 

–Euline Magnólia Máximo dos Santos, residente no João Paulo;

 

–Núbia Lopes da Silva, residente em São José de Ribamar;

 

–Jackson Albert Sá dos Santos, residente no João Paulo;

 

–Hellington Florêncio Ferreira, conhecido como “Viola”, residente no Parque Timbira;

 

–Nilton Cesar Cutrim Percílio, residente em São José de Ribamar;

 

–Rosa Cristina dos Santos Silva, residente em São José de Ribamar;

 

–Maria Jose dos Anjos Silva e

 

–Raylana Almeida Silva.

 
 

No curso das investigações, iniciadas há quatro meses, ficou comprovado que o custodiado “Ribinha” estava se utilizando de pessoas em liberdade, principalmente familiares, para distribuir drogas no bairro João Paulo e adjacências. Algumas delas foram incumbidas também de administrar os valores oriundos da comercialização dos entorpecentes.

 
 

Após o cumprimento dos mandados, todos os citados foram encaminhados ao sistema penitenciário, onde permanecerão à disposição da Justiça.

 
 

A operação contou com a participação de policiais das Superintendências de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), de Investigações Criminais (SEIC) e de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP).

 
 

Sobre o nome da operação, Forseti é o deus nórdico da justiça, considerado o responsável pelas decisões de quem venceria as batalhas entre os deuses de Asgard (reino dos deuses nórdicos).

PARA VISUALIZAR NA ÍNTEGRA AS FOTOS DESTA MATÉRIA ATRAVÉS DE DISPOSITIVO MÓVEL, COLOQUE-O NA POSIÇÃO HORIZONTAL.

PUBLICIDADE:

 
 
 
    

        

      

 
 
 
 
Fonte: Gilberto Lima
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp