Quarta, 13 de novembro de 2019
(86) 98111-9939
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Nova Comunicação
Oeiras

Oeiras

Correspondente do município.

Cidades - Em Oeiras

Postada em 07/11/2019 ás 15h04

Publicada por: Geysa Silva

Laboratório do SAAE garante qualidade e água tratada à população de Oeiras
As análises atestam a ausência de microrganismos que podem transmitir doenças
Laboratório do SAAE garante qualidade e água tratada à população de Oeiras

Foto: Ascom

Garantir água tratada nas torneiras de casas, escolas e instituições públicas e privadas de Oeiras. Este é o objetivo do trabalho realizado pelo laboratório de físico-química e análises microbiológicas do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). O local é especializado em analisar amostras de água para garantir qualidade no fornecimento hídrico da cidade.

Inaugurado há um ano, o laboratório conta com equipamentos modernos e realiza análises microbiológicas e físico-químicas de acordo com a regulamentação do Ministério da Saúde. Nos testes físico-químicos são feitas análises de pH, Turbidez, Cloreto, Dureza, Nitrito, Alcalinidade, Ferro, Nitrato e Sulfato. O teste microbiológico é realizado através do reagente de Colillert, para constatação de Escherichia colli e coliformes fecais e totais.

A farmacêutica Débora Rêgo, responsável pelo laboratório do SAAE, explica que as análises são feitas mensalmente em 24 poços mantidos pela autarquia em todas as áreas da cidade, sempre observando a promoção da saúde da população. “O não tratamento da água pode provocar surtos de infecção bacteriana, causando problemas endêmicos e epidêmicos, onde toda a população corre o risco de apresentar náuseas, diarreia, febre e outras doenças. Sem falar em outros malefícios, outras doenças como, por exemplo, a sobrecarga dos rins. Fazemos o controle do sal existente na água, verificando se a água está muito salgada ou aprovada para o consumo humano”, argumenta.

As análises atestam a ausência de microrganismos que podem transmitir doenças através do consumo da água.  “Com o tratamento da água, que realizamos com o cloro, extinguimos essa quantidade de bactérias que podem provocar certas doenças na população, diminuindo a frequência de sobrecarga nos hospitais e ajudando na questão do consumo. Nossa água é de uma qualidade excelente, pelo fato de ser de poços artesianos, então ela já recebe uma filtração adequada, por conta dos lençóis freáticos. É uma água mais segura para o consumo”, acrescenta a responsável pelo laboratório.

Além da análise da água do município de Oeiras, o laboratório do SAAE já realizou serviços para prefeituras de outras cidades piauienses, como Baixa Grande do Ribeira, Ribeiro Gonçalves e Uruçuí. Instituições federais como o IFPI e donos de propriedades rurais da cidade de Dom Expedito Lopes também já utilizaram os serviços do laboratório.

Débora Rêgo adianta que, ainda este ano, o laboratório ganhará novos equipamentos, que permitirão a análise de outros componentes da água – sólidos dissolvidos totais, oxigênio dissolvido, fósforo e nitrogênio. Os novos aparelhos irão contribuir ainda mais para a qualidade da água distribuída em Oeiras, garantindo que ela passe por processos mais rigorosos, buscando atender os padrões de qualidade estabelecidos pelo Ministério da Saúde, e assegurando mais saúde e qualidade de vida à população oeirense.

 

Fonte: Ascom

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium