Quarta, 13 de novembro de 2019
(86) 98111-9939
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Nova Comunicação 2
[email protected]
(86) 98104-5810
Cabeceiras do Piauí

Cabeceiras do Piauí

Francisco Rocha Correspondente do município.

[email protected]

(86) 98104-5810

Cidades - Recursos

Postada em 07/11/2019 ás 16h31 - atualizada em 07/11/2019 ás 16h56

Publicada por: Francisco Rocha

Cabeceiras deve receber mais de 500 mil reais após leilão do Pré-Sal
O valor ficou bem abaixo do esperado, que era de mais de 1 milhão de reais.
Cabeceiras deve receber mais de 500 mil reais após leilão do Pré-Sal

Vista parcial da cidade de Cabeceiras do Piauí. (Foto: Antônio Carlos Lima).

O governo federal arrecadou quase R$ 70 bilhões nessa quarta-feira (06) com o megaleilão do Pré-Sal. Além do impacto na produção de óleo e gás brasileira nos próximos anos, a rodada será 1 alívio financeiro para os cofres da União, Estados e Municípios.

O montante é referente ao pagamento do bônus de assinatura. Essa é a quantia que as petroleiras vencedoras pagarão à União pelo direito de explorar e produzir petróleo no Pré-Sal.

Os Estados receberão, assim como os Municípios, R$ 5,3 bilhões, a serem divididos pelos critérios do Fundo de Participação dos Estados e da Lei Kandir.

A CNM divulgou os novos valores da cessão onerosa a ser distribuída. O Município de Cabeceiras do Piauí deverá receber o valor total de R$ 503.849,05 (quinhentos e três mil, oitocentos e quarenta e nove reais e cinco centavos), um valor bem abaixo do esperado, que era de mais de 1 milhão de reais.

Como o Município poderá usar o dinheiro

Prevendo diferentes cenários, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) já explicou de que maneira os recursos podem ser aplicados de acordo com a data de entrada: valor integral em 2019, valor parcial em 2019 e restante em 2020 ou todo o valor apenas em 2020. É importante ter cautela no planejamento, uma vez que o recebimento da verba depende de trâmites externos à prefeitura.

A lei que distribui os recursos da cessão onerosa define a obrigatoriedade de usar a verba com investimentos e previdência. Poderão ser pagar aquelas despesas com dívidas previdenciárias tanto do Regime Próprio de Previdência social (RPPS) quanto do Regime Geral de Previdência (RGP), corrente ou decorrente de parcelamentos.

A outra forma de uso da cessão onerosa é com despesas de investimento, entendidas como aqueles gastos com despesa de capital, como as que se relacionam com a aquisição de máquinas ou equipamentos, a realização de obras, a aquisição de participações acionárias de empresas, a aquisição de imóveis ou veículos, ou seja, as que geram um bem de capital que possa ser incorporado pelo Município.

Fonte: Poder360.com e CNM

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium