Sábado, 28 de Novembro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

26°

24° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 José de Freitas
R10 José de Freitas Correspondente no município
Cidades Notícia
14/11/2019 12h20
Por: R10 José de Freitas

Com expansão de 130% na agricultura, PIB do Piauí teve a 2ª maior alta

Com expansão de 130% na agricultura, PIB do Piauí teve a 2ª maior alta do país.

Governador Wellington Dias
Governador Wellington Dias

O Piauí cresceu 7,7% em 2017, de acordo com os dados do Produto Interno Bruto (PIB), divulgado nesta quinta-feira (14), no Palácio de Karnak. Com o resultado, o Piauí teve o segundo maior crescimento do país, atrás apenas do estado do Mato Grosso, cujo crescimento foi de 12,1%, e lidera o crescimento no Nordeste.

O crescimento nacional foi de 1,3%, e o do Nordeste foi de 1,6%. Portanto, o Piauí permanece com expansão superior à registrada no país e na região. Para o gerente de Estudos e Pesquisas Econômicas da Cepro, Fernando Galvão, o resultado mostra uma tendência natural de expansão das atividades produtivas no estado e revela o primeiro ano de recuperação pós crise.

"No ciclo de 2016 estávamos no ápice da crise e esses reflexos derrubaram nosso PIB. Já 2017 é o primeiro ano de início da recuperação econômica do Brasil, que, ainda hoje, está fragilizado. No Piauí, o crescimento foi expressivo (7,7%) e mostra a nossa tendência natural de crescimento econômico, acima da média nacional, e ao mesmo tempo, demonstra que, se nos prepararmos mais ainda, poderemos alçar voos ainda maiores. Já temos mapeado algumas áreas estratégicas de investimento, como turismo, infraestrutura, mineração e energias renováveis, e se potencializarmos essas atividades poderemos dar saltos maiores", declara Galvão.

Continua depois da publicidade
Fonte: Ítalo miguel
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®