Sábado, 28 de Novembro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

26°

24° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Esportes Tuka Rocha
17/11/2019 09h23 Atualizada há 1 ano
Por: Bruna Sampaio

Ex-piloto da Stock Car morre após acidente de avião

A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde da Bahia.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O ex-piloto de Stock Car, Tuka Rocha, de 36 anos, não resistiu aos ferimentos de um acidente aéreo e morreu na manhã deste domingo. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde da Bahia.

Tuka, que se chamava Christiano Chiaradia Alcoba Rocha, estava no jatinho que caiu durante uma tentativa de pouso na pista de um resort em Barra Grande, Bahia, na quinta-feira (14).

Ele é a terceira vítima fatal do acidente. As irmãs Maysa Marques Mussi, de 27 anos, e Marcela Brandão Elias, de 37, também morreram.

Continua depois da publicidade

Tuka Rocha teve 80% do corpo queimado e estava entubado para se recuperar de intoxicação causada pela inalação de gases tóxicos e de queimaduras. Ele passou por cirurgia durante a madrugada de sexta-feira para a limpeza das queimaduras. Ontem, os médicos informaram à família que seu estado era irreversível.

Quem era Tuka Rocha

Christiano Chiaradia Alcoba Rocha, o Tuka Rocha, nasceu em São Paulo no dia 13 de dezembro de 1982. Sua carreira no automobilismo começou na adolescência, conquistando diversos títulos no kart entre 1992 e 2000. Em 2001, mudou-se para os monopostos para disputar a Fórmula 3 Sudam Lights.

No ano seguinte, Tuka foi para a Europa competir na World Series by Nissan, sendo companheiro de Ricardo Zonta na equipe Gabord Competición. Zonta foi campeão da temporada 2002, enquanto Tuka foi o 11º colocado. Em 2003, ele chegou a disputar as primeiras etapas da categoria, com resultados discretos.

Continua depois da publicidade

Entre 2004 e 2006, Tuka participou da Fórmula 3000 Euroseries - na melhor temporada, em 2006, conseguiu uma vitória e terminou o campeonato com a quarta posição. Além disso, testou o carro da equipe brasileira da A1GP em 2005 e disputou parte da temporada 2006/2007 como titular.

Ainda nos monopostos, Tuka Rocha foi o titular do carro do Flamengo na temporada 2008 da Fórmula Superliga, com direito a um pódio.

Na Stock Car, competiu entre 2011 e 2018. No primeiro ano, foi apenas o 19º colocado, mas acabou escolhido a revelação da temporada. Naquele mesmo ano, ficou marcado por um susto durante a etapa do Rio de Janeiro: seu carro pegou fogo, e ele precisou saltar do veículo ainda em movimento. A fumaça inalada fez com que ele passasse dois dias na UTI.

Continua depois da publicidade

Em 2015, conquistou sua primeira e única vitória, na segunda corrida da etapa de Ribeirão Preto.

Tuka Rocha era também o responsável pela Tuka Racing School, uma escola de pilotagem de karts em São Paulo.

Fonte: Uol
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®