Domingo, 21 de outubro de 2018
(86) 99915-1055
Teresina - Zé Pereira

Postada em 11/01/2018 ás 13h03 - atualizada em 11/01/2018 ás 14h50

Publicada por: Dário Gomes

Fonte: PMT

Paredões de som serão permitidos no Corso
Todas as considerações feitas serão levadas ao Ministério Público nesta sexta-feira (12)
Paredões de som serão permitidos no Corso

Ascom

Na manhã desta quinta-feira (11), a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) recebeu representantes da Polícia Militar, Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) e Associação Piauiense dos Amantes de Som Automotivo (APISOM) para discutir sobre a participação de paredões de som durante o Corso de Zé Pereira de Teresina.

Esse foi o primeiro encontro para acertar detalhes da participação dos sons automotivos no evento, que será realizado no dia 03 de fevereiro. Todas as considerações feitas serão levadas ao Ministério Público nesta sexta-feira (12/01) para uma reunião informal.

Na edição anterior, a Comissão Organizadora do Carnaval - responsável pelo evento - determinou, juntamente com outros órgãos, a não participação de paredões de som na área isolada pela Strans e pela Polícia Militar para o evento devido a preocupação com incidentes já vistos em anos anteriores. Diante de pedidos dos amantes de som automotivo da cidade, os órgãos se uniram para analisar todas as maneiras viáveis para a segurança dos foliões, tanto quanto a poluição sonora, direitos e deveres.

"O Corso nasceu de uma manifestação espontânea do povo. Dessa forma entendemos os pedidos quanto a participação de som automotivo e creio que com entendimento todos possam participar do evento", disse Luís Carlos Alves, presidente da FMC. 

Ainda segundo o gestor, foi sugerida a participação de até 30 paredões de som, previamente selecionados pela APISOM. Eles deverão permanecer na avenida até a meia noite. Também será determinado o volume máximo de som que todos deverão obedecer.

O presidente da Associação Piauiense dos Amantes de Som Automotivo, Rinaldo Race, explica qual é a proposta. "A proposta é que os paredões abram o desfile dos caminhões e ao final será destinado uma via de acesso para que os paredões permaneçam até o horário sugerido. A seleção será feita mediante os nossos associados, seguindo os quesitos citados, como o som deve estar em cima de uma carreta e puxado por veículo automotor, além de toda documentação necessária do condutor e do veículo", afirmou.

Durante o encontro, preocupações quanto ao policiamento e iluminação na avenida foram citadas, principalmente durante a dispersão dos foliões, incidentes nas áreas verdes e próximas ao Rio Poti, assim como a questão de poluição sonora.  

R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
TV R10

»

Revista ADV

»

Campo Maior Por Wellington Siqueira

Prefeito Professor Ribinha transforma Alto do Meio em canteiro de obras

Demerval Lobão - PI Por Katia Cruz

Demerval Lobão | Professora celebra aniversário com festa em estilo anos 80

Campo Largo-PI Por Roberto Freitas

Barcelona vence e garante vaga na grande final do Campolarguense 2018

Conceição do Canindé-PI Por Roni Silva

Professores de Conceição do Canindé comemoram seu dia

Gilbués-PI Por Henrique Guerra

Alargamento da BR 135 aguardado há anos ‘derrete’ com a primeira chuva

Mais lidas da semana

»

Municípios
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium