Segunda, 16 de dezembro de 2019
(86) 98111-9939
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Oeiras

Oeiras

Correspondente do município.

Cidades - Saúde

Postada em 02/12/2019 ás 07h58 - atualizada em 02/12/2019 ás 08h06

Publicada por: Marina Sousa

Oeiras | Dia D encerra campanha de vacinação contra o sarampo
A campanha teve o objetivo de proteger a população do sarampo e evitar a doença.
Oeiras | Dia D encerra campanha de vacinação contra o sarampo

Foto: Reprodução

Foi encerrada neste sábado, 30, a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo. Iniciada em 18 de novembro, esta etapa teve como público-alvo pessoas adultas com idade entre 20 e 29 anos.

Durante todo o sábado, a Secretaria Municipal de Saúde, através da Coordenação de Imunização, realizou o Dia D de vacinação contra o sarampo, em toda a zona urbana de Oeiras – Unidades Básicas de Saúde (UBS): Rodagem de Picos, Pedro Barbosa (Centro), Hailton Alves (Rosário), Canela, Jureminha, Oeiras Nova, Rodagem de Floriano e Gerardo Magela (Várzea).

A campanha teve o objetivo de proteger a população do sarampo e evitar a doença. Altas coberturas vacinais diminuem as chances de propagação do vírus, beneficiando os indivíduos e todos com quem tiverem contato. A primeira etapa da vacinação foi realizada em outubro e teve como foco as crianças de seis meses a menores de cinco anos.

Sarampo

O sarampo é contagioso e o vírus é transmitido por uma pessoa doente ao espirrar, tossir ou falar. Os sintomas da doença são manchas vermelhas pelo corpo, febre, coriza, conjuntivite, manchas brancas na mucosa bucal. 

Caso a pessoa apresente os sinais e sintomas da enfermidade, deve procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima, informar ao profissional sobre sua situação e dizer se teve contato com algum caso suspeito. Recomenda-se que as pessoas com suspeita de portar a doença evitem deslocamentos desnecessários, pois o sarampo é altamente contagioso. 

A patologia pode acometer adultos e crianças, com risco de complicações graves e até de evolução para morte. Embora os adultos sejam mais resistentes que as crianças, as complicações são as mesmas. A vacina é a única maneira de evitar o contágio.

Fonte: Prefeitura de Oeiras

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium