Terça, 10 de dezembro de 2019
(86) 98111-9939
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected]
(86) 99915-1055
Coluna Policial

Coluna Policial

Coluna Policial Tudo sobre notícias policiais do Brasil e do mundo.

[email protected]

(86) 99915-1055

Polícia - Crime perverso

Postada em 02/12/2019 ás 08h51

Publicada por: Geysa Silva

Diarista confessa que matou patroa após ver extrato bancário de R$ 60 mil
Depois que a diarista descobriu que os R$ 60 mil havia sumido, ela resolveu matar a própria patroa
Diarista confessa que matou patroa após ver extrato bancário de R$ 60 mil

Foto: Divulgação

Uma diarista foi presa e confessou que matou a patroa depois que viu um extrato bancário no valor de R$ 60 mil na última quarta-feira (27). O corpo da vítima, que era servidora aposentada da Assembleia Legislativa do Ceará, foi encontrado pelo filho.

De acordo com a Polícia Civil, o crime foi arquitetado pela diarista uma semana antes, quando encontrou um extrato bancário de Liduina Maria Júnior Rios, de 60 anos.

Diarista matou patroa com ajuda de duas comparsas

Com a ajuda de duas comparsas, Maria Aparecida Pereira do Nascimento, de 30 anos, deu continuidade ao planejamento do crime no dia 27 de novembro. Em depoimento, a diarista disse que abriu a porta da casa da vítima para a companheira e mais uma amiga.

Em seguida, tentaram dopar Liduina com remédios. Primeiro, elas tentaram dar suco com remédios triturados, porém, a vítima se recusou a beber. Nesse momento, as três mulheres obrigaram a mulher a engolir os comprimidos.

Quando estava dormindo, elas tiveram acesso à conta bancária de Liduina novamente e viram que restavam apenas mil reais dos R$ 60 mil vistos anteriormente. Nesse momento, a diarista matou a patroa.

Trio roubou objetos da casa após plano ser frustrado

O corpo foi encontrado pelo filho, horas depois, amarrado, amordaçado e com duas lesões de faca no pescoço. Como não havia sinais de arrombamento, familiares desconfiaram desde o início da diarista, que foi contratada recentemente.

Depois de matar a patroa, a diarista e a dupla roubaram diversos objetos da casa de Liduina, como, por exemplo, jóias, relógios e até produtos de higiene pessoal.

Segundo a polícia, o objetivo da diarista era roubar o dinheiro e fugir para o Rio Grande do Sul. A polícia também descobriu que outros clientes de Maria Aparecida relataram o sumiço de pertences após o trabalho da suspeita.

*Esse conteúdo foi elaborado a partir de matéria publicada originalmente no R7

Fonte: Ric Mais

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2019 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium