Terça, 11 de agosto de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Camanha ProPiauí Julho
[email protected]
(89) 988012832
Dom Expedito Lopes

Dom Expedito Lopes

Josely Ecologista Correspondente no município

[email protected]

(89) 988012832

Cidades - Educação

Postada em 08/12/2019 ás 17h39 - atualizada em 08/12/2019 ás 18h26

Publicada por: Josely Ecologista

Liga JOEME desenvolve Primeira Intervenção sobre memória na UESPI
Nesta pauta vamos apresentar um trabalho que tem como objetivo analisar a participação do jornalismo
Liga JOEME desenvolve Primeira Intervenção sobre memória na UESPI

Liga JOEME

Este trabalho aborda a participação do jornalismo, por meio de reportagens, e a preservação da memória social. O interesse pelo tema se deve ao fato de que ao atuar na área de comunicação, e mais especificamente ao produzir reportagens jornalísticas ocorreu a percepção de que o profissional ao registrar fatos, contar histórias, de certa forma, contribui para a perpetuação daquilo que registrou. É histórica a constatação de que existe no ser humano e nos grupos sociais o desejo de manter vivas as lembranças de acontecimentos marcantes e até mesmo de fatos cotidianos.

 

 

Em função disso, desde os tempos primitivos técnicas de comunicação foram desenvolvidas com a finalidade de contribuir com a perpetuação do tempo e junto com técnicas capazes de desenvolver a memória (desenhos/imagens gravadas nas paredes das cavernas, inscrições em pedra, papiros, pergaminhos, etc) desenvolveu-se também a linguagem como instrumento de propagação das lembranças, representações e histórias, que propiciou ao homem a possibilidade de construir e registrar sua trajetória. (SAPIR, 1971) Com o surgimento da escrita, as formas de armazenar informações e rememorar os fatos mudaram, pois o homem letrado foi capaz de reconstruir de forma retrospectiva, o tempo da história. Na perspectiva de Lévy (1993), a memória passou a apresentar-se disponível, catalogada e comparável, o saber deixa de ser apenas aquilo que é útil no dia-a-dia.

Esse é uma pequena parte de um trabalho desenvolvido por: Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXXVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – Rio de Janeiro, RJ (fonte: https://portalintercom.org.br/anais/nacional2015/resumos/R10-2059-1.pdf )

 

Os responsáveis pela Liga JOEME durante a II Semana de Comunicação Social levou uma exposição de fotografias no corredor da UESPI, com representatividade de momentos que marcaram muito a opinião pública, com isso os visitantes ao ver algumas passagens que foram noticias trabalham as mentes em busca de lembranças.

FALA DO BLOGUEIRO!

Participei ativamente de alguns momentos durante a II Semana de Comunicação Social na UESPI e gostei de cada uma delas, parabéns a professora Lana Krisna aos alunos e demais responsáveis por esse evento enriquecedor de conhecimentos. Um dos momentos que me fascinou bastante foi a intervenção sobre a memória com a exposição de fotografias. Aprendi bastante com alguns alunos da Liga JOEME e mudou bastante minha forma de pensar sobre esse assunto. Parabéns a todos da Liga.

Conhecendo a Liga JOEME.

A Liga Acadêmica de Jornalismo, Educação e Memória (Joeme), do curso de Bacharelado em Jornalismo, da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), campus Professor Barros Araújo, localizada no endereço BR-316, KM 299, Bairro Altamira, CEP: 64602-000, é uma entidade de caráter extensionista, científico e sem fins lucrativos. Tem autonomia administrativa e científica, formada por acadêmicos de Jornalismo da Uespi-Picos, bem como por participantes da comunidade acadêmica de outros cursos e comunidade em geral que estejam interessados nas propostas desta liga. Tem suas atividades sob a coordenação e supervisão da professora Ms. Mayara Sousa Ferreira, docente efetiva desta instituição. Vinculada à Coordenação de Jornalismo (campus Picos) e à Pró-reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários (Prex), a Liga Acadêmica de Jornalismo, Educação e Memória é uma entidade com estatuto próprio baseado no estatuto geral da Uespi e tem por objetivos geral e específicos, respectivamente:

 

I - Promover a extensão e a produção científica, por meio de atitudes problematizadoras referentes às interconexões entre diferentes áreas do saber, especificamente, jornalismo, educação e memória.

 

II - Estimular o estudo e a reflexão sobre jornalismo, educação e memória;

 

III - Problematizar questões relativas às interconexões possíveis entre essas áreas transdisciplinares;

 

IV - Realizar produção científica a partir dos estudos realizados junto à liga acadêmica, por meio da prática da pesquisa dos participantes.

 

As reuniões periódicas deverão ser realizadas com duração de cerca de 2 horas, em período extra horário de aulas, com o objetivo de:

 

a) Promover discussões de aprofundamento relacionadas a temática propostas pela liga, logo, jornalismo, educação e memória;

b) Organizar os temas teóricos aplicados e de relevância, que serão apresentados pelos membros da liga, pelos membros associados, convidados, indicados pela Diretoria. Fonte: @liga.joeme

Confira depoimentos de alguns alunos membros da Liga JOEME e convidado.

Fonte: Josely Ecologista

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium