Sexta, 21 de fevereiro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected]
86 9 9834-2372
Cinema

Cinema

Cinema As últimas notícias do cinema, trailers e entrevistas, horários de filmes, e muito mais.

[email protected]

86 9 9834-2372

Geral - Novidade na telinha

Postada em 21/01/2020 ás 17h36

Publicada por: Geysa Silva

Quatro filmes brasileiros são escalados para mostra paralela de Berlim
O festival começa no dia 20 de fevereiro e a lista dos filmes ainda não foi divulgada
Quatro filmes brasileiros são escalados para mostra paralela de Berlim

Foto: Reprodução

O Festival de de Cinema de Berlim divulgou nesta segunda (20) a lista de filmes selecionados para suas mostras paralelas. Na Panorama, segunda mostra mais importante do evento - a primeira é a principal, competitiva -, estão escalados quatro brasileiros, além de uma coprodução com Argentina e Suíça.

O novo filme de Karim Aïnouz, "Nardjes A.", acompanha com um celular um jovem militante na Argélia, país de origem da família do cineasta cearense. Aïnouz dirigiu, entre outros, "A Vida Invisível", que ganhou a mostra Um Certo Olhar em Cannes e foi o escolhido para representar o Brasil no Oscar – mas não foi indicado.

Já "Vento Seco", do goiano Daniel Nolasco ("Paulistas"), mostra como um jovem no interior do Goiás tem sua vida alterada com a chegada de um forasteiro.

Há ainda o documentário "O Reflexo do Lago", do paraense Fernando Segtowick, sobre pessoas que vivem próximas a uma hidrelétrica na Amazônia, e "Cidade Pássaro", de Matias Mariani ("A Vida Privada dos Hipopótamos"), que acompanha a adaptação de um nigeriano em São Paulo. 

Na seleção da Panorama está também o longa "Un Crimen Común", do argentino Francisco Márquez, uma coprodução Argentina, Brasil e Suíça.

O festival começa no dia 20 de fevereiro e a lista dos filmes que formam a mostra competitiva ainda não foi divulgada. 

"Meu Nome É Bagdá", de Caru Alves de Souza, estará na mostra Generation, que mapeia filmes sobre a juventude.

Gustavo Vinagre, de "A Rosa Azul de Novalis", e Paula Gaitán, de "Sutis Interferências", levam seus novos filmes, "Vil, Má" e "Luz nos Trópicos", à mostra Forum, na qual também está programado "Chico Ventana también Quisiera Tener un Submarino", coprodução de Uruguai, Argentina, Brasil, Holanda e Filipinas.

Mais seis brasileiros (Jonathas de Andrade, Ana Vaz, Aline Motta, Patricia Ferreira Pará Yxapy, Grace Passô e Ricardo Alves Jr) terão seus trabalhos exibidos na mostra Forum Expanded, dedicada a filmes de linguagem experimental e vídeos de arte.

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium