Segunda, 24 de fevereiro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected]
(61) 98191-9906
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

Jornalista Milton Atanazio Jornalista, comunicador, árbitro judicial, consultor diplomático, cônsul honorário da Bielorrússia, editor da Revista VOX e Publisher da BrazilianNEWS.

[email protected]

(61) 98191-9906

Política - Argélia

Postada em 24/01/2020 ás 14h46

Publicada por: Jornalista Milton Atanazio

Culinária argelina é degustada por jornalistas brasileiros
Embaixador da Argélia Toufik Dahmani apresenta a culinária de seu país
Culinária argelina é degustada por jornalistas brasileiros

Embaixador da Argélia Toufik Dahmani apresenta a culinária de seu país a jornalistas brasileiros

Embaixador Toufik Dahmani e a embaixatriz Sra. Khedidja Dahmani mostra a culinária argelina em sua residência oficial

Por Milton Atanazio

Cercado por um seleto grupo de jornalistas convidados, o embaixador Toufik Dahmani e a embaixatriz Sra. Khedidja Dahmani abriram as portas da residência oficial, em calorosa recepção, na noite do dia 22 de janeiro, para apresentar a culinária argelina ao grupo visitante.

O jantar, organizado pela jornalista Fabiana Ceyhan, responsável servidospela assessoria e comunicação do evento, contou com pratos exclusivos do país, especialmente preparados para a ocasião.

Diferentes pratos, chás, doces e vinhos foram servidos aos convidados, que tiveram a oportunidade de degustar e conhecer em detalhes a comida pratos servidos. O embaixador Dahmani pessoalmente fez questão de expor, falando de cada prato, demonstrando sua afinidade com a gastronomia.

Culinária da Argélia

Como parte da culinária do Magreb, que têm em sua parte mais setentrional características típicas da cozinha mediterrânea, tem parte das culinárias africanas. Possui algumas influências da cozinha turca (com exceção da gastronomia marroquina) devido à expansão do Império Otomano e por isso se podem ver as dolmas e os baklavas em muitas de suas regiões.

É uma mistura de tradições berberes, árabes, francesas e judaicas. A base da alimentação é o trigo, seja na forma de cuscuz, de pão achatado (pão-folha, como o pita) ou outros, com nomes como khobz edddar, khobz ettadjine, khobz el koucha, kesra rakhsis, kesra matlouh, kesra m'bessa, aghroume, akourane, em que khobz é a palavra árabe para pão. Para além do pão, os argelinos também comem o trigo na forma de doces à base de semolina ou de massa-folhada, aliás esta usada também para pratos de carne, como a famosa pastilla.

No entanto, o grão-de-bico entra na composição de muitas sopas, normalmente chamadas chorba (mas também grafado shorba) e guisados como harira; para além destes ingredientes básicos, os pratos argelinos incluem quase sempre muitos vegetais, com ênfase no tomate, carnes, principalmente carneiro e galinha, mas também de camelo, e peixe, na zona costeira. Outros vegetais típicos do Mediterrâneo, como o pimento, a fava, a abobrinha, as azeitonas e as frutas cítricas são também frequentes na cozinha argelina. As refeições na Argélia são quase sempre terminadas com uma sobremesa, tâmaras ou fruta fresca.

Os condimentos fortes estão quase sempre presentes na cozinha argelina, como o açafrão (verdadeiro, de Crocus), o cravinho, o coentro, o gengibre, o cominho, a pimenta e o alho. Existem ainda misturas de temperos muito populares e tipicamente magrebinas ou do Médio Oriente, como ras el hanout, harissa, baharat e za’atar. Claro que os refogados e os temperos de saladas têm como base o azeite. Uma especialidade argelina é a merguez, uma salsicha muito condimentada.

Em termos de bebidas, a Argélia é conhecida por produzir bons vinhos, como Medea, Mansourah and Mascara, mas os argelinos, maioritariamente muçulmanos, utilizam várias preparações à base de leite, embora o chá com hortelã e o café também sejam populares. Uma outra bebida típica desta região é o leite-de-amêndoas, conhecido desde a Idade Média a toda a volta do Mediterrâneo. Outras bebidas locais são acir, uma bebida à base de citrinos e khchaf, um sumo de frutas.

Com fotos e agradecimento a Cidália Varela e Brasília in Foco

 

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium