Quarta, 19 de fevereiro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
CCOM - Campanha Cachoeiras do Piauí
[email protected]
86 9 9834-2372
Radar Político

Radar Político

Radar Político Últimas notícias, entrevistas, reportagens e análises sobre o que acontece na política.

[email protected]

86 9 9834-2372

Política - Politica nacional

Postada em 02/02/2020 ás 09h41

Publicada por: Geysa Silva

Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF
O decano se aposentará em novembro, abrindo espaço para o presidente emplacar seu primeiro nome
Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF

Foto: Reprodução

A mais recente crise política com o ministro da Justiça, Sergio Moro, levou Jair Bolsonaro a colocar novamente o ex-juiz da Lava Jato como seu preferido para substituir o ministro Celso de Mello no STF (Supremo Tribunal Federal).

Notícias ao Minuto Brasil Menu   MENU     ÚLTIMAS NOTÍCIAS POLÍTICA ECONOMIA ESPORTE FAMA E TV BRASIL MUNDO JUSTIÇA CULTURA TECH LIFESTYLE MULTIMÍDIA   ESTATUTO EDITORIAL PROPRIEDADE INTELECTUAL POLÍTICA DE PRIVACIDADE FICHA TÉCNICA CONTATOS METEOROLOGIA   2 FEVEREIRO 22 Tempo --º MIN --º MÁX --º PREVISÃO PRÓXIMOS DIAS EDIÇÃO   Notícias ao Minuto Brasil - Brasil BRASIL Facebook   Twitter   Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF   O decano se aposentará em novembro, abrindo espaço para o presidente emplacar seu primeiro nome na corte Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF Facebook   Twitter   Whatsapp Notícias ao Minuto Brasil

1/2/2 15: ‧ HÁ 18 HORAS POR FOLHAPRESS

POLÍTICA MORO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A mais recente crise política com o ministro da Justiça, Sergio Moro, levou Jair Bolsonaro a colocar novamente o ex-juiz da Lava Jato como seu preferido para substituir o ministro Celso de Mello no STF (Supremo Tribunal Federal).

 

O decano se aposentará em novembro, abrindo espaço para o presidente emplacar seu primeiro nome na corte.

Aliados de Bolsonaro veem no gesto de indicar Moro um movimento para blindar um cenário em que ele pode surgir como seu adversário na disputa presidencial de 222.

Segundo relatos feitos à reportagem, o ministro tratou da possibilidade de ir para o STF em conversa com o presidente após a polêmica sobre a recriação do Ministério da Segurança Pública, hoje integrado à pasta da Justiça.

O diálogo reservado foi apelidado por integrantes da equipe de Moro como uma "DR", uma discussão da relação.

Menu   MENU     ÚLTIMAS NOTÍCIAS POLÍTICA ECONOMIA ESPORTE FAMA E TV BRASIL MUNDO JUSTIÇA CULTURA TECH LIFESTYLE MULTIMÍDIA   ESTATUTO EDITORIAL PROPRIEDADE INTELECTUAL POLÍTICA DE PRIVACIDADE FICHA TÉCNICA CONTATOS METEOROLOGIA   2 FEVEREIRO 22 Tempo --º MIN --º MÁX --º PREVISÃO PRÓXIMOS DIAS EDIÇÃO   Notícias ao Minuto Brasil - Brasil BRASIL Facebook   Twitter   Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF   O decano se aposentará em novembro, abrindo espaço para o presidente emplacar seu primeiro nome na corte Após crise, Bolsonaro sinaliza de novo que pode indicar Moro para o STF Facebook   Twitter   Whatsapp Notícias ao Minuto Brasil

1/2/2 15: ‧ HÁ 18 HORAS POR FOLHAPRESS

POLÍTICA MORO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A mais recente crise política com o ministro da Justiça, Sergio Moro, levou Jair Bolsonaro a colocar novamente o ex-juiz da Lava Jato como seu preferido para substituir o ministro Celso de Mello no STF (Supremo Tribunal Federal).

 

O decano se aposentará em novembro, abrindo espaço para o presidente emplacar seu primeiro nome na corte.

Aliados de Bolsonaro veem no gesto de indicar Moro um movimento para blindar um cenário em que ele pode surgir como seu adversário na disputa presidencial de 222.

Segundo relatos feitos à reportagem, o ministro tratou da possibilidade de ir para o STF em conversa com o presidente após a polêmica sobre a recriação do Ministério da Segurança Pública, hoje integrado à pasta da Justiça.

O diálogo reservado foi apelidado por integrantes da equipe de Moro como uma "DR", uma discussão da relação.

A indicação para o Supremo também abriria espaço para que o chefe do Executivo tenha mais ingerência no Ministério da Justiça, algo que ele vem buscando desde o começo do governo.

Um dos pontos sensíveis é a Polícia Federal. A saída de Moro pavimentaria o caminho para Bolsonaro mexer no seu comando, desejo já sinalizado por ele no ano passado.

Em julho de 219, em aceno à bancada evangélica, o presidente havia definido que escolheria para o Supremo um jurista com respaldo da comunidade religiosa.

"Poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal. Um deles será terrivelmente evangélico", disse.

O ministro da AGU (Advocacia Geral da União), André Mendonça, surgiu então como primeira opção, tendo sido citado pelo próprio Bolsonaro.

Nos bastidores, no entanto, o presidente passou agora a cogitá-lo para a segunda cadeira a ficar no vaga no STF, a do ministro Marco Aurélio Mello, que tem aposentadoria prevista para 221.

Para essa posição também está na lista de possibilidades o ministro da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, que vem ganhando prestígio junto ao presidente.

Bolsonaro chegou a dizer que havia reservado uma das vagas a Moro, que deixou a magistratura para se tornar ministro do governo.

O presidente, porém, depois negou haver qualquer acordo e disse apenas buscar alguém com o perfil do ex-juiz.

Segundo assessores, a nova mudança de entendimento, a favor de uma indicação já neste ano, se deu após o mal-estar surgido com a intenção do presidente de desmembrar a pasta da Justiça, criando um ministério separado para a Segurança Pública.

Bolsonaro articulou uma reunião com secretários estaduais de Segurança sem a presença do ministro, que tem usado a segurança como uma das suas bandeiras de gestão.

 

Fonte: Folhapress

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium