Segunda, 30 de março de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected].com
(61) 98191-9906
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

Jornalista Milton Atanazio Jornalista, comunicador, árbitro judicial, consultor diplomático, cônsul honorário da Bielorrússia, editor da Revista VOX e Publisher da BrazilianNEWS.

[email protected]

(61) 98191-9906

Política - Paquistão

Postada em 07/02/2020 ás 10h22

Publicada por: Jornalista Milton Atanazio

Embaixada do Paquistão reune pessoas em comemoração ao Dia de Solidariedade
Dia de Solidariedade da Caxemira
Embaixada do Paquistão reune pessoas em comemoração ao Dia de Solidariedade

Foram lidas as mensagens do Presidente e do Primeiro Ministro do Paquistão

Embaixada do Paquistão reune pessoas em comemoração ao Dia de Solidariedade da Caxemira

Milton Atanazio

O Embaixador do Paquistão Sr. Najm us Saqib reuniu na sede de sua embaixada em Brasília, no dia de ontem (05), a atenção da imprensa e da comunidade internacional, quando reuniu pessoas em comemoração ao Dia de Solidariedade da Caxemira.

Em sua fala o embaixador reafirma que “Comemorando hoje, o Dia da Solidariedade da Caxemira, mais uma vez, chamamos a atenção da comunidade internacional, incluindo o Conselho de Segurança das Nações Unidas, a ajudar a resolver a disputa da Caxemira, de acordo com as resoluções do CSNU e as aspirações do povo da Caxemira. Também reafirmamos nossa total solidariedade com o povo de Jammu e Caxemira ocupado pela Índia, que está continuamente sendo subjugado o sob toque de recolher e confinado desde 5 de agosto de 2019. É uma das piores crises de direitos humanos do século XXI ”, afirma o paquistanês.

O Embaixador também reiterou como apoio diplomático, moral e político do Paquistão às pessoas oprimidas de Jammu e Caxemira e garantiu que a campanha em andamento para destacar a disputa da Caxemira em todos os fóruns continuaria até que uma solução justa da disputa fosse alcançada.

Foram lidas as mensagens do Presidente e do Primeiro Ministro do Paquistão.

Outros palestrantes, incluindo representantes da Caxemira, membros da Associação Paquistão Brasil (PBA), Adido de Defesa o General de Brigada Muhammad Yousaf e o primeiro secretário, Sr. Azeem Ullah Cheema, elogiaram a bravura do povo da Caxemira ocupada em face da contínua repressão Índiana. A Índia transformou 8 milhões de pessoas de Jammu e Caxemira em uma prisão em massa, com a implantação de 900.000 forças de segurança Índianas. Dezenas de pessoas foram mortas, seqüestradas, desapareceram e mulheres foram perseguidas e molestadas. Os palestrantes declararam que a presença das Forças de Ocupação na região é ilegal bem como suas ações; seus crimes eram inaceitáveis e imperdoáveis. A Índia deve ser responsabilizada por seus crimes contra a humanidade que foram extensivamente registrados pela mídia e organizações internacionais de direitos humanos.

No final, a Associação Paquistão Brasil (PBA) apresentou um escudo ao Embaixador Najm us Saqib em reconhecimento por seus serviços inestimáveis para a Caxemira e por cuidar dos interesses da comunidade paquistanesa sediada na América do Sul.

Mais tarde, o Embaixador e sua equipe interagiram com a mídia e os membros da sociedade civil e os atualizaram sobre a situação horrível que prevalece na Caxemira ocupada e na determinação do Paquistão em continuar trabalhando rumo à uma solução justa para a disputa da Caxemira.

Com informações da embaixada do Paquistão.

Fonte: Embaixada do Paquistão

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium