Sexta, 03 de abril de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
[email protected]
86 9 9834-2372
Saúde

Saúde

R10 Saúde Encontre aqui notícias sobre saúde e bem-estar.

[email protected]

86 9 9834-2372

Geral - Atenção!

Postada em 18/02/2020 ás 17h11

Publicada por: Geysa Silva

Análise encontra até 45 mil bactérias e 9,7 mil fungos em latinha de bebida
Pesquisadora de Campinas avaliou 31 latas compradas em supermercados, padarias, postos de combustíve
Análise encontra até 45 mil bactérias e 9,7 mil fungos em latinha de bebida

Foto: Reprodução

A análise laboratorial em 31 latinhas de bebidas como cerveja, refrigerante e suco compradas em diversos comércios de Campinas (SP) encontrou milhares de micro-organismos que podem causar prejuízos à saúde. Em apenas um dos produtos foram localizados 45 mil bactérias e 9,7 mil fungos e, em outro, 12 mil bactérias e 2,6 mil fungos.

As bebidas estavam em geladeiras e prateleiras de supermercados, padarias, postos de combustíveis e bares. Do total, 29 latinhas apresentaram micro-organismos na tampa, onde ocorre o contato com a boca, segundo a análise da doutora em ciências de alimentos Rosana Siqueira.

O material retirado das tampas com cotonetes foi colocado em estufa durante alguns dias. Dentre os micro-organismos encontrados, a pesquisadora dá destaque para os coliformes fecais, o que indica a presença de fezes nas latas.

"Diarreia, pode ter vômitos, febre, dores abdominais. Problemas como conjuntivite, otite ou até mesmo infecção urinária", lista a doutora como possíveis resultados do contato humano com os micro-organismos.

Em época de carnaval, muitos foliões optam por comprar as bebidas diretamente nos blocos ou nos comércios por onde a folia passa. Segundo Siqueira, o uso de papel para limpar a tampa das latas até ajuda, mas não é suficiente para remover toda a sujeira.

Ela também alerta para o uso de copos. "O copo, se você não limpou a latinha, não adianta, você vai consumir, ingerir os micro-organismos da mesma maneira".

Para consumir água, a melhor alternativa é comprar de garrafas. No caso dos copinhos com alumínio, o ideal é evitar o contato direto com a boca. A pesquisadora também não recomenda compartilhar latinhas com os amigos.

Fonte: G1

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium