Sábado, 28 de Maio de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

30°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Sexo e Prazer
Sexo e Prazer
Tudo sobre o universo sexual.
Geral Aconteceu no BBB
13/03/2020 15h10 Atualizada há 2 anos
Por: Marina Sousa

Ele "brochou", e agora? Saiba como lidar com a situação

Daniel e Marcela , o casal do BBB 20 , estão entre os assuntos mais comentados do Twitter. Isso porque o clima esquentou entre os dois, mas, na hora H, Daniel “brochou”. “Não vou conseguir”, disse o participante do reality, que recebeu um suspiro de insatisfação e um palavrão como resposta de Marcela.

Apesar do fato ter chamado a atenção de muita gente, a situação é mais comum do que as pessoas imaginam. E, apesar do momento ser constrangedor para alguns, é possível driblar o “problema” para deixar o clima mais leve e, quem sabe, retomar o sexo.  

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

CAUSAS

Em entrevista prévia ao, Alex Meller, urologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), explica que diversos motivos podem levar um homem a “brochar ”. Entre eles, o estresse e a ansiedade, tão comuns no dia a dia.

Outro fator que pode levar à dificuldade de ter ou manter o pênis ereto é a presença de problemas vasculares, que impedem que as substâncias responsáveis por manter o pênis ereto após a estimulação sexual cheguem ao membro.

“Se ele tem um problema vascular, pode ter uma ereção que não chega a 100%, e, assim, perde-la com certa facilidade caso diminua um pouco a excitação”, explica Meller.

A ingestão abusiva de álcool também pode, a longo prazo, causar problemas de desempenho sexual. Segundo o especialista, a “brochada” também pode ser consequência de algum medicamento.

Como as causas são diversas, é interessante buscar orientação médica se a situação trouxer incômodo e insatisfação ao homem.

E AGORA?

É comum que a vergonha e a culpa tomem conta desse momento, mas é importante lembrar que ninguém é responsável pelo o que aconteceu. Como o especialista explica anteriormente, as causas do problema variam.

“Caso o homem tenha uma dificuldade e ambos se culparem ou se envergonharem nessa situação, as coisas só irão piorar”, comenta Thais Plaza, terapeuta sexual, em entrevista prévia ao Delas.

Se o casal ainda estiver no clima, é possível retomar a estimulação para que o pênis volte a ficar ereto.  “O melhor a se fazer é voltar para a parte gostosa das preliminares, para os beijos e carícias”, fala.

O melhor a fazer é levar a situação numa boa e encarar como algo natural, afinal, não há nada de errado nisso.

A profissional também reforça que nem tudo se resume à penetração. “O grande problema da relação sexual é começar algo com a necessidade de chegar ‘aos finalmente’. O mais importante deve ser curtir cada momento. O sexo é uma grande viagem, e é melhor curtir a paisagem no caminho do que necessariamente chegar logo ao destino final”, finaliza. 

Fonte: IG Delas
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp