Sábado, 24 de Julho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

28°

19° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Pet
R10 Pet
Tudo sobre o mundo dos pets.
Geral Cuidados
22/04/2020 11h31 Atualizada há 1 ano
Por: Francine Dutra

COVID-19 e animais de estimação: devo ir ao veterinário ou esperar?

O COVID-19 e animais de estimação também é uma preocupação nesse momento assustador de pandemia. Durante esse período de distanciamento social, todos deveríamos estar tentando fazer nossa parte para “achatar a curva” desse vírus. Isso significa ficar em casa e reduzir o contato desnecessário com outras pessoas.

Mas, enquanto nossos animais de estimação provavelmente estão adorando esse tempo extra conosco, o que você faz se precisar ir ao veterinário?

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Muitas clínicas veterinárias recomendam entrar em contato apenas se o animal estiver doente. Outra dica é adiar as consultas de rotina até um momento mais seguro. Alguns estão usando, portanto, a “medicina virtual”, onde você pode se conectar com seu veterinário por meio de bate-papo em vídeo para problemas menores ou realizar um acompanhamento agendado.

Continua depois da publicidade

E agora, você deve levar seu animal de estimação ao veterinário?

Com a nova prática de distanciamento social, como saber se você deve levar seu animal de estimação ao veterinário hoje ou se é algo que pode esperar?

Aqui estão algumas dicas úteis para garantir que você esteja cuidando do seu pet da melhor forma possível, minimizando o risco de exposição ao COVID-19.

Vá a um veterinário de emergência imediatamente se seu animal de estimação:

- apresentar uma ferida aberta;

- tiver um histórico de trauma;

- mostrar sinais de dor;

- estiver com dificuldade em respirar;

- repentinamente, mostra sinais de claudicação ou fraqueza;

- tiver dificuldade em urinar;

- apresentar vômitos e diarreia prolongados (especialmente, se houver sangue) ou qualquer distensão grave do abdômen;

- mostrar sinais neurológicos como convulsões, tremores, tropeços, desorientação;

- estiver aparentando um comportamento anormal, como gengiva pálida, hematomas no corpo, olhos esbugalhados, olhos semicerrados, cabeça pendendo para um lado;

- apresentar inchaço facial ou urticária;

- ingerir uma toxina: medicamentos humanos, chocolate, xilitol (adoçante artificial), rato venenoso, uvas, etc.

Ligue para o seu veterinário

É importante ligar para o veterinário, se o seu animal de estimação:

- vomitou uma ou duas vezes em menos de 24 horas;

- tem diarreia há menos de 24 horas, mas está agindo normalmente;

- tosse, mas sem sinais de respiração difícil;

- está espirrando e tem olhos lacrimejantes;

- não come há mais de 24 horas;

- estiver com coceira ou tremor nas orelhas.

O que devo fazer se meu veterinário estiver fechado?

O COVID-19 e animais de estimação também são uma preocupação pertinente! Os serviços veterinários foram considerados “essenciais” pelo governo federal, mas isso não significa que eles seja;m obrigados a permanecer abertos.

A designação essencial significa que os hospitais veterinários não são obrigados a fechar como muitas outras empresas. Se a clínica local, portanto, não conseguir estabelecer protocolos que lhes permitam trabalhar com segurança, podem optar por fechar.

Neste caso, ligue para verificar se há uma mensagem gravada com o número de outro veterinário para o qual você pode recorrer e também verifique o site do veterinário para obter essas informações.

Envie um e-mail, por conseguinte, pedindo uma indicação para outro veterinário. É provável que eles ainda tenham alguém respondendo e-mails dos clientes.

Se você não conseguir contatá-los, portanto, entre em contato com o serviço veterinário de emergência 24h. Por conseguinte, descreva suas preocupações com seu animal de estimação e pergunte se eles recomendam uma consulta imediata.

Fonte: Portal do Dog
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp