Sábado, 15 de agosto de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Camanha ProPiauí Julho
Floriano

Floriano

Ilizianny de Carvalho Correspondente do município.
Cidades - Floriano

Postada em 08/06/2020 ás 14h31

Publicada por: Ilizianny de Carvalho

CTA de Floriano amplia testagem rápida para ISTs em seis UBSs
Ao todo, 15 profissionais já foram capacitados.
CTA de Floriano amplia testagem rápida para ISTs em seis UBSs

Foto: Secom

O Centro de Testagem e Aconselhamento de Floriano está capacitando desde maio deste ano enfermeiras e técnicos de enfermagem da Atenção Básica do município para ofertar o serviço de testagem rápida para exame de detecção de HIV, Sífilis, Hepatite B e C. Ao todo, 15 profissionais já foram capacitados.

Atualmente, seis unidades básicas de saúde tem profissionais aptos para fazer a testagem rápida para Infecções Sexualmente Transmissíveis: UBS Santa Cruz, no bairro Alto da Cruz, UBS José Paraguaçu (Sambaíba Nova), UBS PAM, UBS Viana de Carvalho (Sambaíba Velha), UBS Raimundo Filho (Catumbi) e UBS Theodoro Sobral (Caixa D’agua).

Segundo Herica Leal, Coordenadora do CTA de Floriano, a implantação dos testes rápidos para diagnóstico da infecção pelo HIV e triagem de sífilis na Atenção Básica, do Sistema Único de Saúde (SUS), forma o conjunto de estratégias do Ministério da Saúde, que tem como objetivo a qualificação e a ampliação do acesso da população brasileira ao diagnóstico do HIV e detecção da sífilis e outras ISTs como Hepatites virais.

A coordenadora explica ainda que o diagnóstico oportuno da infecção pelo HIV e da sífilis, por exemplo, durante o período gestacional é fundamental para a redução da transmissão vertical. Sendo de fundamental importância a necessidade das equipes de Atenção Básica em realizar os testes rápidos para o diagnóstico de HIV e para a triagem da sífilis no âmbito da atenção ao pré-natal para as gestantes e suas parcerias sexuais. “A ampliação do acesso e da melhoria da qualidade do pré-natal na Atenção Básica se apoia na oferta e na execução dos testes rápidos de HIV e de sífilis”, disse.

O Ministério da Saúde recomenda às Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde que adotem medidas que facilitem o acesso ao diagnóstico de HIV e triagem da sífilis por meio dos testes rápidos, sobretudo para as gestantes e suas parcerias sexuais, tais como:

- Ofertar teste rápido de sífilis e HIV nas Unidades Básicas de Saúde (UBS);- Articular medidas locais que garantam a logística (acondicionamento, distribuição e transporte) e a execução dos testes rápidos nas UBS com qualidade e confiabilidade;- Planejar e organizar as capacitações dos profissionais de Atenção Básica para a execução dos testes rápidos de HIV e sífilis;

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium