Sábado, 21 de Maio de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

29°

23° 30°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Reggae
R10 Reggae
Tudo sobre o mundo reggae.
Geral Reggae
21/07/2020 12h27
Por: Bruna Dias

Owen Gray reafirma seu pioneirismo na criação do reggae

A primeira vez que escutei Bob Marley, o álbum Catch a Fire, que saiu no Brasil, e em alguns países, com um isqueiro na capa, em vez de Bob puxando o maior bob. Achei muito estranho, o ritmo. Como se a batida tivesse errada. Descompassada. Quem escutou a bossa nova de João Gilberto deve ter passado por sensação parecida. Mas, assim como a bossa nova, as melodias de Marley eram tão bem acabadas, contagiantes, que o reggae pegou rápido por aqui, e pelo mundo, e foi assimilado.

No final dos anos 70, lançou-se muito reggae no Brasil, mas geralmente só medalhões, Peter Tosh, claro, Dennis Brown, Toots and the Maytals (Toots Hibbert, pra mim é o maior de todos os cantores de reggae. Aliás, foi numa música dele aparece pela primeira vez Do the Raggay). Mas do período anterior ao reggae, pouca coisa, quase nada.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Portanto Owen Gray é ignorado por aqui. Com 81 anos neste 2020, Gray (também grafado como Grey) não criou o ska ou o rocksteady, mas foi pioneiro em gravá-los. Seu álbum de estreia Owen Sings, de 1961, não tem calipso, mento, ou o rhythm and blues de New Orleans. Ele foi também pioneiro em gravar com Clement Dodd, do Sir Coxsone Downbeat System. Os astros iniciais pop da Jamaica foi ele e Millie Small, uma adolescente que estourou mundo afora com My Boy Lollipop (gravada por Wanderléa com o título de Meu Bem Lollipop, em 1964). Ambos foram contratados por Chris Blackwell, que começava a gravadora Island.

Owen Gray, e vários desbravadores dos novos ritmos jamaicanos, mudou-se para a Inglaterra, onde havia um público de jamaicanos com maior poder aquisitivo, e um mercado mais forte. Voltaram para a ilha quando o reggae tornava-se tendência, e chegava a superstars feito Eric Clapton, que em 1975, estourou com I Shot the Sheriff, de Bob Marley. Mas perderam o bonde da história. Owen Gray continuou lançando discos, mas não conseguiu o mais o sucesso do início dos anos 60. Gray lançou maio, mais um álbum marcando os 80 anos, Jamaica’s First Home Grown Star, reivindicando para si o pioneirismo na música que realçaria a importância da pequena Jamaica no mapa musical do planeta.

Fonte: José Teles/JC.ne10
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp