Quinta, 24 de setembro de 2020
86 9 9834-2372
Receba notícias pelo WhatsApp WhatsApp
Governo Setembro
[email protected]
(61) 98191-9906
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília

Jornalista Milton Atanazio Jornalista, comunicador, árbitro judicial, consultor diplomático, cônsul honorário da Bielorrússia, editor da Revista VOX e Publisher da BrazilianNEWS.

[email protected]

(61) 98191-9906

Política - Destaques do Dia

Postada em 29/07/2020 ás 09h34

Publicada por: Jornalista Milton Atanazio

29 de julho, quarta-feira - DESTAQUES DO DIA
Coluna Foco na Política
29 de julho, quarta-feira - DESTAQUES DO DIA

Panorama da Política Nacional

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, selecionados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília.

Aras faz críticas à Lava Jato e diz que é hora de ‘corrigir rumos’ para que ‘lavajatismo não perdure’. Oito estados e o DF têm alta de mortes por Covid-19. PF faz operação contra tráfico internacional de armas. A prisão do estudante que foi picado por uma naja. ONG aponta que 24 ativistas foram mortos no Brasil em 2019, dos quais 10 eram indígenas. Nos EUA, poderosos de Amazon, Google, Apple e Facebook enfrentam o Congresso em comitê que investiga monopólio entre as empresas de tecnologia. O podcast O Assunto explica a escalada recorde no preço do ouro. A morte de Rodrigo Rodrigues uniu SporTV e ESPN Brasil em um programa conjunto. As vacinas em testes pelo mundo. Um leilão das joias do ex-governador Sérgio Cabral. A estreia de “Hebe” na Globo e o início das quartas de final do Paulistão.

Críticas à Lava Jato

O procurador-geral da República, Augusto Aras, criticou a Lava Jato. Ele afirmou que é hora de “corrigir rumos” para que o “lavajatismo” passe e seja substituído por outro modelo de enfrentamento à criminalidade. Segundo ele, a “correção de rumos não significa redução do empenho no combate à corrupção”.

“Agora é a hora de corrigir os rumos para que o lavajatismo não perdure”, disse.

Avanço do coronavírus

O Brasil tem 88.612 mortes e 2.488.452 casos confirmados de Covid-19, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa divulgado às 8h desta quarta-feira. A média móvel de óbitos é de 1.005 por dia na última semana. Oito estados e o DF têm alta de mortes; entenda a conta. E o ritmo de contágio é maior que o de mortes.

Rodrigo Rodrigues une SporTV e ESPN
SporTV e ESPN fazem homenagem simultânea a Rodrigo Rodrigues — Foto: Reprodução / SporTV e ESPN

SporTV e ESPN fazem homenagem simultânea a Rodrigo Rodrigues — Foto: Reprodução / SporTV e ESPN

Após a morte do jornalista Rodrigo Rodrigues, o SporTV, sua última casa na TV, e a ESPN, emissora em que iniciou sua trajetória no jornalismo esportivo, fizeram uma transmissão de homenagem conjunta. Os programas “Trocas de Passes” e “Sportscenter” interagiram durante 30 minutos. Participaram Fred Ring, Paulo Nunes, Marcela Rafael e Paulo Calçade. Antes, André Rizek, Ana Thaís, Galvão Bueno, PVC, Cleber Machado, Luis Roberto, entre outros, se despediram do amigo.

Técnico de enfermagem perde para o vírus

Um dos mortos por Covid-19 foi um jovem técnico de enfermagem, em Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá. Klediston Kelps, de 22 anos, ficou internado por sete dias. A mãe disse que o filho já sabia que não resistiria à intubação e que ele se despediu da família no dia em que foi para a UTI.

“Quero rosas brancas enfeitando meu caixão”, disse o rapaz.

Pandemia nos EUA

Nos EUA, foram 1.592 óbitos por coronavírus, maior valor desde maio. Número de casos voltou a passar de 60 mil em 24 horas, após dois dias com leve queda. Enquanto isso, o presidente Donald Trump volta a defender a hidroxicloroquina e agora se queixa de popularidade do infectologista Anthony Fauci.

Vacinas em desenvolvimento

Nove países que desenvolvem uma vacina para o coronavírus já testam em humanos. Mas apenas o Reino Unido, a China e os Estados Unidos chegaram à terceira e última etapa. É somente depois desta prova, em um número maior de participantes, que a vacina poderá ou não ser licenciada e liberada para a comercialização.

Operação contra tráfico de armas

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta uma operação contra o tráfico internacional de armas em oito estados. As investigações apontam que armas eram importadas de forma ilegal do Paraguai e distribuídas pelo país. Batizada de “Mercado das Armas”, a ação cumpre 25 mandados de busca e apreensão.

Estudante picado por naja preso

O estudante de veterinária Pedro Henrique Krambeck, picado por uma cobra naja no início de julho, foi preso pela Polícia Civil do Distrito Federal nesta quarta. O jovem, de 22 anos, é suspeito de crime ambiental e de tentar atrapalhar as investigações.

24 ativistas mortos no Brasil

A ONG internacional Global Witness publicou um relatório que contabiliza o número de assassinatos de ativistas ambientais e defensores dos direitos humanos em 2019. No Brasil, foram 24 mortos, dos quais 10 eram indígenas. No mundo, os crimes bateram recorde no ano passado: 212 pessoas executadas.

Gigantes de tecnologia nos EUA
Jeff Bezos (Amazon), Tim Cook (Apple, )Sundar Pichai (Alphabet, matriz da Google), e Mark Zuckerberg (Facebook) participam de audiência do Congresso dos EUA nesta quarta (29) — Foto: Pablo Martinez Monsivais, Evan Vucci, Jeff Chiu e Jens Meyer / AP Photo

Jeff Bezos (Amazon), Tim Cook (Apple, )Sundar Pichai (Alphabet, matriz da Google), e Mark Zuckerberg (Facebook) participam de audiência do Congresso dos EUA nesta quarta (29) — Foto: Pablo Martinez Monsivais, Evan Vucci, Jeff Chiu e Jens Meyer / AP Photo

Uma aguardada audiência dos principais executivos das quatro gigantes da tecnologia – Google, Apple, Facebook e Amazon – com o Congresso dos Estados Unidos ocorrerá nesta quarta-feira. As empresas são alvos de reclamações sobre suas posições dominantes e investigadas por agentes antimonopólio. Sundar Pichai (Alphabet, matriz da Google), Tim Cook (Apple), Mark Zuckerberg (Facebook) e Jeff Bezos (Amazon) concordaram em responder a perguntas do Comitê Judicial.

Racha na política

Depois de DEM e MDB deixarem o chamado “Blocão” da Câmara, formado por 221 parlamentares e comandado pelo deputado Arthur Lira (Progressista-AL), outros dois partidos iniciaram as negociações para também deixar o bloco: PTB e Pros. Os dois partidos também integram o Centrão. O objetivo é formar um bloco alternativo ao de Lira, com 83 parlamentares: PSL (53), PTB (11), PROS (11) e PSC (8).

 

NÃO PERCA

Curso_Legislativo_Consciente_3.JPG

Link da INSCRIÇÃO DO CURSO DA ABRACAM  https://www.abracambrasil.org.br/component/smarteventos/evento/25

MAIS destaques...

https://foconapolitica.com.br/29-de-julho-quarta-feira-n-destaques-do-dia/

Com informações do G1

Fonte: G1

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Jornal Portal R10
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
© Copyright 2020 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium