Domingo, 28 de Novembro de 2021
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

28°

25° 37°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Receitas
R10 Receitas
A coluna R10 Receitas traz receitas, curiosidades e segredos da culinária.
Entretenimento Receitas
13/09/2020 09h38 Atualizada há 1 ano
Por: Aline Alves

Drinks para comemorar o Dia Nacional da Cachaça; Aprenda!

A Cachaça, bebida típica e exclusiva do Brasil, tem sua história ligada à do próprio país e pode ser considerada o primeiro destilado das Américas, tendo sido produzida, pela primeira vez, de forma intencional, em algum engenho de açúcar do litoral Brasileiro, entre os anos de 1516 e 1532, antes mesmo do aparecimento do Pisco, da Tequila e do Rum.

Como bebida símbolo da resistência do povo brasileiro, enfrentou preconceitos desde a época do Brasil Colônia, período no qual teve a sua comercialização proibida por várias vezes, resultando na Revolta da Cachaça, que deu origem ao Dia Nacional da Cachaça -13 de Setembro – uma iniciativa do Instituto Brasileiro da Cachaça. (Projeto de Lei 5428/2009, atualmente em tramitação no Senado Federal)

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Hoje, apesar dos inúmeros desafios, esse símbolo nacional evoluiu, e chegou ao século XXI ocupando posição de destaque, com qualidade comparável à dos melhores destilados produzidos mundialmente.

O Dia Nacional da Cachaça é uma iniciativa do Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC) – entidade nacional representativa do setor – e foi lançada em junho de 2009, durante a Expocachaça de Belo Horizonte, se tornando um Projeto de Lei por iniciativa do Deputado Valdir Colatto, de Santa Catarina.

A história remonta ao ano de 1630, quando os portugueses notaram que o mercado da cachaça crescia e o produto tomava o lugar da bagaceira, produzido por eles a partir do bagaço da uva. Em 1635, o rei de Portugal proibiu a produção e comercialização da cachaça com o objetivo de incentivar o consumo da bagaceira

A pouca fiscalização permitiu a continuidade do comércio da cachaça e, em 1659, um novo decreto real proibiu o comércio da bebida, com os portugueses apertando o cerco aos produtores com ameaças de deportação, apreensão do produto e destruição dos alambiques. Em 1660, os produtores fluminenses lideraram uma rebelião e tomaram o governo da cidade. Era a Revolta da Cachaça, movimento que abriu caminho para a legalização da cachaça, que ocorreu em 13 de setembro de 1661, por Ordem Régia.

O caminho rumo à valorização da bebida tem sido longo, mas está em um estágio melhor do que já foi, principalmente devido à valorização no Brasil, nos últimos anos, de produtos tradicionais.

Para Carlos Lima, Diretor Executivo do IBRAC, o trabalho conjunto de produtores, entidades de classe e Governos (Estaduais, Municipais e Federal) tem sido extremamente importante para a valorização, afirmação da Cachaça e desenvolvimento do setor.

Apesar desse apoio, o Executivo lembra que, em momentos de discussões de reforma tributária no Congresso e em alguns Estados, é extremamente importante que a Cachaça, que hoje é o produto mais tributado do Brasil e que sofre com todos os entraves causados pela alta tributação, não seja ainda mais onerado.

“Já não há mais espaços para aumento de impostos no setor e a nossa tributação já ultrapassou o ponto ótimo. Apoiamos uma reforma tributária que traga simplicidade, corrija distorções existentes, promova o crescimento sustentável e não onere ainda mais o setor”, diz Lima.

Um brinde à Cachaça

Pouco a pouco a Cachaça vem conquistando seu espaço no cenário nacional e internacional, se destacando em concursos, com versões brancas, armazenadas e envelhecidas, em uma grande variedade de madeiras típicas como, por exemplo: a Amburana, Jequitibá, Amendoim, Bálsamo, Ipê, Freijó, Eucalipto, Castanheira, entre várias outras, além do conhecido Carvalho, enaltecendo e realçando sabores riquíssimos e diferenciados da Cachaça.

O nosso destilado tem experimentado, ao longo dos anos, evoluções no preparo, sendo utilizado como base para coquetéis, em especial aqueles com frutas, que vão além da tradicional e conhecidíssima Caipirinha – um drink refrescante e saboroso que, para ser autêntica, deve ser feita exclusivamente com Cachaça.

A sua versatilidade na coquetelaria se mostra igual à dos grandes destilados, com a Vodca, o Gin, ou o Rum, e vários profissionais vêm utilizando-a para criação de novos drinks, na releitura de drinks nacionais como o Rabo de Galo e para reinventar drinks famosos, tais como o Negroni, Mojito, e a Margarita.

Receitas

Para celebrar a data, o bartender Flávio Felix dos Santos, que atende pelo GetNinjas, aplicativo de contratação de serviços, selecionou receitas de drinks com a bebida. “Quando falamos em coquetéis com cachaça, é comum que pensemos apenas na caipirinha. Mas a cachaça é muito mais que isso e podemos mostrar toda sua versatilidade utilizando-a nos mais variados tipos de drinks”, afirma. Confira abaixo as indicações do profissional:

MAÇÃ DO AMOR

Ingredientes

50ml cachaça branca

50ml suco de maçã

10ml xarope de maçã verde

Modo de Preparo

Bata os ingredientes em uma coqueteleira

Sirva em um copo longo com gelo com uma fatia de maçã verde para decorar

MANDARINO

Ingredientes

50ml cachaça branca

20ml licor de laranja

30ml xarope de tangerina

Modo de Preparo

Bata os ingredientes em uma coqueteleira

Sirva em um copo longo com gelo com uma cereja para decorar

BRASIL MULE (uma releitura do famoso Moscow Mule)

Ingredientes

50ml cachaça envelhecida

50ml xarope de gengibre

30ml suco de limão

Refrigerante cítrico

Modo de preparo

Bata os ingredientes em uma coqueteleira com gelo

Sirva em um copo baixo

Adicione o refrigerante cítrico até completar o copo

Acrescente uma fatia de limão para decorar

BATIDA DE MARACUJÁ

Ingredientes

50ml de cachaça branca

50ml de suco concentrado de maracujá

50ml de leite condensado

10ml de suco de limão

2 colheres de açúcar

Modo de preparo

Bata os ingredientes em uma coqueteleira

Sirva em um copo longo com gel

Fonte: Comida na mesa
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp